Exposição "Beira Mundo - O que se vê além dos olhos"

DATA

  • 18/03/2020 à 22/03/2020
  • Hora início: 19:00
  • Hora fim: 15:00

LOCAL / INFO

PREÇOS

  • Entrada Franca

Exposição &ldquoBeira Mundo &ndash O que se vê além dos olhos&rdquo chega ao &ldquoFestival Foto em Pauta&rdquo

 

A mostra da artista mineira Juliana Lima reúne, em Tiradentes, 18 obras exclusivas que propõe uma reflexão sobre diversas culturas, além de convidar o público a interagir com as peças durante o festival

Os elementos que compõem uma foto vão além do que se vê apenas na imagem num primeiro olhar. Cada obra traz em si histórias, culturas e sensações, que são expressadas pelo olhar do artista. Inspirada por capturar esses instantes, a fotógrafa Juliana Lima percorre o mundo, há mais de duas décadas, captando momentos antropológicos que mesclam costumes e comportamentos de povos e habitats com o objetivo de criar reflexões sobre a proteção das riquezas naturais e a preservação do nosso planeta. O resultado desse trabalho poderá ser visto na exposição &ldquoBeira Mundo &ndash O que se vê além dos olhos&rdquo, que acontece entre 18 a 22 de março, no Teatro Casa de Boneco (Rua Direita, 288 - Centro Histórico), em Tiradentes, durante o Festival Foto em Pauta, nos seguintes horários: 18/ 3: 19h às 21h19 e 20/3:1 3h às 21h 21/3: 10h às 21h e 22/3: 10h às 15h.

A exposição traz 18 obras exclusivas clicadas em diversas partes do mundo. No trabalho da artista existem fotografias feitas no Brasil, Ásia, Inglaterra, Escócia, França, Grécia, África do Sul, Estados Unidos, Canadá, Chile, Bolívia, e outros. Segundo Juliana, a mostra é um convite para despertar nas pessoas as diversas formas de se enxergar, de ver o mundo atual e se expressar nele. Para isso, os visitantes serão convidados a interagir através de textos ou desenhos, que também ficarão expostos durante o festival. &ldquoFotografar é colocar na mesma linha: a cabeça, o olho e o coração. É ir além do que os olhos podem ver e conhecer as histórias por trás daquele registro&rdquo, afirma Juliana.

Entre as peças da exposição, estão: &ldquoItsuni&rdquo, que é um registro antropológico realizado durante um eclipse lunar de um nativo da etnia Kalapalo, grupo indígena  que habita o Parque do Xingu, no estado do Mato Grosso, sua forma de enxergar e se expressar no mundo &ldquoCárcere&rdquo, imagem que captura sentimentos e percepções em relação a forma como alguns detentos enxergam o mundo, realizado durante uma visita da fotógrafa Juliana Lima a uma APAC e &ldquoAlém do óbvio&rdquo, obra intrigante que apresenta interpretações e emoções distintas de acordo com cada apreciador.

Estas obras e outras terão suas histórias contadas pela fotógrafa, durante o talk &ldquoBeira Mundo &ndash O que se vê além dos olhos&rdquo, que será realizado na sexta-feira, 20 de março, as 20h30, no Teatro de Bonecos.

A exposição é uma criação da marca Julima Globlal Click, que surgiu com a proposta de oferecer um olhar antropológico, social, ambiental e artístico sobre diversas culturas para debater questões sociais e ambientais, por meio da fotografia. E ainda para registrar a admiração e o respeito pela diversidade e a vontade de preservação. Parte da renda arrecadada com a venda das obras expostas no Festival Foto em Pauta, de Tiradentes, será destinada para etnia Kalapalo, povo com quem Juliana conviveu durante dez dias no Parque Xingu, no Mato Grosso.

Qualidade

Todas as obras fotográficas da exposição &ldquoBeira Mundo - Fronteiras e Conexões&rdquo possuem tiragem limitada e impressão Fine Art, que dura mais de 200 anos. As peças podem ser adquiridas no tamanho, formato e acabamento que estão na exposição ou podem ser personalizadas conforme o projeto.

http://fotoempauta.com.br/festival2020/

+EVENTOS

Eventos