Faustão critica Comitê Olímpico por barrar Diego Hypolito do Domingão: 'decisão imbecil'

Atleta chorou nos bastidores após receber ligação proibindo de participar de quadro do programa e ameaçando expulsá-lo dos jogos

por Diário de Pernambuco 18/07/2016 09:51

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
Globo / Reprodução
Apresentador cobrou explicações da presidência do COB durante o programa (foto: Globo / Reprodução)
O atleta Diego Hypolito foi proibido de participar de um quadro no Domingão do Faustão, neste domingo,17, e o fato causou mal estar no programa. O apresentador Fausto Silva teve que explicar a ausência do ginasta e não poupou críticas ao Comitê Olímpico dos Jogos Rio 2016.

Diego estava no camarim, e minutos antes de entrar no palco para o quadro Ding Dong, no qual faria dupla com a irmã, recebeu uma ligação do treinador, que impedia sua participação. Faustão desabafou no ar, disse que Hypolito chorou nos bastidores, chegou a passar mal e foi atendido pelo Corpo de Bombeiros. Além disso, o ginasta teria sido ameaçado de ser expulso das Olimpíadas.

"Diego estava aqui, há minutos de entrar no programa, ele recebeu uma ligação de alguém do Comitê Olímpico Brasileiro dizendo que não era pra ele entrar aqui, que ele seria expulso das Olimpíadas. Jayme Praça, manda ligar pro Arthur Nuzman, que é o presidente do COB, que é pra dar uma satisfação pra sociedade brasileira. Esse tipo de censura, esse tipo de punição a um atleta do nível do Diego que vem a um programa de televisão pra participar de um quadro musical e aí o ameaça só pelo fato de o treinador dele ter sido afastado com uma suspeita (de assédio sexual). Não tem nada a ver com ele. Ele viria aqui pra participar de um programa de televisão e aí um dirigente, que deve ser um imbecil, liga pra ele na hora de entrar. Esse é o respeito que tem que ter ao público. A mim não, que já to acostumado com isso", declarou Faustão.


O presidente do Comitê Olímpico Carlos Arthur Nuzman, mandou uma nota explicando o ocorrido: "Esta foi uma decisão do técnico do atleta, Marcos Goto, com a intenção de não tirá-lo do foco. O atleta não pediu autorização ao seu técnico para participar do quadro".

O ginasta chegou a comentar a polêmica nas redes sociais, mas em seguida, apagou a publicação. "Meu foco hoje é o meu treinamento, meu objetivo é representar bem meu país, que eu tanto amo. Admiro muito o programa do Faustão que sempre me tratou com o maior carinho", escreveu.

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE SÉRIES E TV