Em vias de lançar novo disco, Mallu Magalhães solta mais um single; ouça

'Será que um dia' integra o disco 'Vem', com lançamento previsto para o dia 09 de junho

por Estado de Minas 02/06/2017 11:55
Divulgação
Mallu lança mais uma música inédita. (foto: Divulgação)
Prestes a lançar seu novo disco de estúdio, Vem, no dia 09 de junho, e já com dois singles na praça - Você não presta e Navegador -, Mallu Magalhães liberou nesta sexta-feira, 02, mais uma faixa do trabalho, a música Será que um dia

A canção segue a sonoridade do segundo single, Navegador, com a presença de metais e cordas que enchem o instrumental. Na letra, Mallu narra o medo de que a pessoa amada parta. ''Será que um dia desse você vai dizer/ Que se cansou das minhas aventuras/ Que está na hora de viver as suas/ E já não pode me acompanhar'', canta ela nos versos iniciais. Em contraponto, o ritmo é neutro, nem triste tampouco alegre. 

Abaixo, ouça Será que um dia:
 

A música integra o quarto disco de Mallu, que já possui três faixas lançadas. Primeiramente a cantora paulistana havia se arriscado pela bossa-nova na música Casa pronta, lançada em 2016. Depois, ela encarnou o polêmico samba-rock em Você não presta, que repercutiu negativamente por conta de acusações de racismo no videoclipe oficial. 

No vídeo, a artista aparece ao lado de bailarinos negros. Segundo os internautas, o clipe ''reforça a sexualidade do negro e hiperssexualiza nossos corpos''. Após a repercussão, Mallu publicou em sua página oficial no Facebook uma nota esclarecendo o ocorrido e pedindo desculpas a quem teria ofendido. ''Sei que o racismo ainda é, infelizmente, um problema estrutural e muito presente. Eu também o vejo, o rejeito e o combato'', escreveu. 
 
A polêmica, no entanto, não atrapalhou os planos da artista. O disco já tem shows de lançamento marcados no Brasil. Até agora foram anunciados quatro shows. Mallu desembarca no Rio de Janeiro nos dias 04 e 05 de agosto. No dia 19 ela se apresenta em Porto Alegre e no dia 26 em São Paulo. A turnê ainda inclui shows em Vila Real, Porto e Lisboa, todos estes em Portugal, onde ela mora atualmente com seu marido, Marcelo Camelo, vocalista do Los Hermanos, e sua primogênita, Luiza. 

Mallu foi descoberta na internet em 2008, quando lançou a música Tchubaruba. Depois de lançar dois discos autointitulados em 2008 e 2009, ela retomou a carreira em 2011 com o disco Pitanga, mais madura e disposta a experimentar composições em português. Seu último trabalho foi ao lado de Marcelo e do baterista português Fred Ferreira no projeto Banda do Mar, lançado em 2013.

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE MÚSICA