Dia do rock: confira lista de filmes e livros para celebrar a data

Aumente o som! Para celebrar a data mais rock'n'roll do ano, veja algumas dicas de leitura e de filmes que vão te lembrar porque você ama o gênero

por CorreioWeb Estado de Minas 13/07/2016 11:25

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
Internet / Reprodução
Lemmy, do Motorhed, para muitos um símbolo do rock também foi objeto de um documentário (foto: Internet / Reprodução)

Já dizia Ozzy Osbourne: "Se o orgasmo do rock'n'roll pudesse ser vendido em saquinhos, drogas como a maconha e a heroína não valeriam um centavo". Se um dia conseguirão vender o tal orgasmo, ainda não sabemos, mas até lá o rock pode ser vendido, sim! Para sentir um pouco do prazer que o estilo de música traz, selecionamos alguns filmes e livros sobre o bom e velho rock que mostram que o estilo está longe de morrer. Qual mais você sugeriria para a lista?

Filmes

Detroit a cidade do rock
De Adam Rifkin, 1999

O filme busca mostrar o espírito subversivo do rock dos anos 1970. Enquanto o mundo escuta disco, um grupo de amigos parte em uma viagem paa ver o show de sua banda favorita: Kiss. O destaque do filme é a trilha sonora selecionada que conta com mais de 30 títulos incluindo, obviamente, sucessos do Kiss como Rock and roll all night, Love gun, Ladies room e Shout It out loud. Mas toca também Black Sabbath, AC/DC, Ramones, David Bowie e Marilyn Manson.


CBGB: O berço do punk rock
Randall Miller, 2013

Com as bandas e personagens representados por atores e atrizes, o filme conta a história da casa de shows nova-iorquina responsável por revelar grandes nomes do punk rock mundial, especialmente o Ramones. Divertido, o longa mostra como o lugar surgiu nas mãos do atrapalha Hilly Crystal e como eram as noites frequentas por figuras como Iggy Pop, Debbie Harry, Lou Reed e patti Smith.




The Runaways - Garotas do Rock
De Floria Sigismondi, 2010

Mostrando a força, o talento e a sensualidade das mulheres do rock, o filme conta a história verídica da banda The Runaways. A história começa com a vontade de Joan Jett (Kristen Stewart) em ter uma banda própria e a ambição de Kim Fowley (Michael Shannon) que via futuro financeiro em um grupo formado só por mulheres. Quem completa o time é a sexy vocalista Dakota Fanning, mostrando que o grupo se perdeu em talento e polêmicas, priorizando as brigas a produção de música.



Lemmy - 49% motherfucker, 51% son of a bitch
De Wes Orshoski e Greg Olliver, 2010

O documentário conta a história de Lemmy Kilmister, o líder da icônica banda Motorhead. Lemmy, que faleceu em dezembro 2015, é tido por muitos como a personificação do rock'n'roll, por seu estilo de vida muitas vezes polêmico, regado a muita farra e álcool, mas sempre com muita atitude traduzida em música.


O ruído das minas
Felipe Sartoreto, 2009

Documentário conta a história do heavy metal em Minas Gerais. A capital mineira foi o celeiro de algumas das bandas mais importantes do gênero no Brasil e no mundo, como o Sepultura e o Sarcófago.



Rock Brasília - Era de Ouro
De Vladimir Carvalho, 2011

Como falar de rock sem mencionar Brasília? O filme analisa a trajetória das bandas do gênero nos anos 1980, desde os primórdios, das bandas embrionárias até o estouro nacional de Legião Urbana, Capital Inicial e Plebe Rude. O documentário mostra entrevistas com músicos, familiares e personalidades importantes além de detalhes da chamada Era de Ouro da cidade.



Cazuza - O Tempo Não para
De Sandra Werneck, 2004

A comovente e cheia de rock história do astro Cazuza mostra desde o tempo em que era chamado Agenor de Miranda Araújo Neto até se consolidar no cenário musical nacional. Baseado no livro Só as mães são felizes, escrito pela mãe do cantor, Lucinha Araújo, o longa-metragem também retrata o lado carioca de Cazuza, o rock nacional que emergiu no início dos anos 1980.

 




Livros

Nunca é o bastante – A história do The Cure
Autor: Jeff Apter. Preço: R$ 49,90
A história do The Cure começa como a de tantas outras bandas de rock ao redor do planeta. Um grupo de amigos entediados, numa pacata cidade, com uma ideia na cabeça: liberar o tédio e a frustração adolescentes por meio de música melancólica com guitarras. Um enredo bastante comum. Mas o aspecto prosaico dessa história acaba por aí. Tudo que veio depois foi grandioso, turbulento e causou um impacto profundo (e tristonho) na música contemporânea.


MAGNÉTICOS 90 - A geração do rock brasileiro lançada em fita cassete
Autores: Gabriel Thomaz e Daniel Juca. Preço: R$ 49,90
As memórias e as caixas de demo-tapes de Gabriel Thomaz (Autoramas) transformadas em HQ por meio do traço de Daniel Juca (Tarja Preta), resultando num registro histórico da cena independente dos anos 1990. Didático para quem não viveu a época, emocionante para quem viu com os próprios olhos. E, acima de tudo, muito divertido.

 

Travis Barker: vivendo a mil, enganando a morte e batera, batera, batera
Autor: Travis Barker. Preço: R$ 49,90
Travis Barker, baterista da banda Blink-182, expõe sua alma nessa autobiografia, que relata os altos e baixos da arte e da vida do renomado baterista, incluindo o terrível acidente de avião que quase o matou e seu traumático processo de recuperação – uma história fascinante e nunca antes contada de reinvenção pessoal, fundada em salvação musical e paternidade. Fama, drogas, perda e redenção. Suas memórias pulsantes são tão enérgicas quanto suas aclamadas batidas.

 

Dance of days: duas décadas de punk na capital dos EUA
Preço: R$ 59,90. Autores: Mark Andersen e Mark Jenkins
A cena punk da capital dos EUA influenciou e inspirou jovens no mundo todo. Este livro conta a história completa: Bad Brains, Minor Threat, Fugazi, Bikini Kill, Henry Rollins, Dischord Records, straight edge, Riot Grrrl, Positive Force e emo. Um clássico da literatura punk.

 

 

 

Mate-me por favor
Preço: 29,90. Autores: Larry "Legs" McNeil e Gilliam McCain
Um clássico da cultura pop, conhecida como a 'bíblia do punk'. O livro conta a história do surgimento do movimento punk na Inglaterra desde seus primórdios, com as bandas que influenciaram tudo isso como o Velvet Underground, nos Estados Unidos.

 

Hendrix por Hendrix: entrevistas e encontros com Jimi Hendrix
Autor: Steven Roby. Preço: R$ 49,90
Esse livro é o mais próximo de uma autobiografia que jamais veremos. Entrevistas reveladoras realizadas no auge da carreira do guitarrista, entre 1966 e 1970, cuidadosamente selecionadas por Steven Roby, um notório historiador de Hendrix. O volume traz inclusive a última entrevista do músico, concedida dias antes de sua morte.

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE MÚSICA