Paula Fernandes traz para Belo Horizonte sua nova turnê

Show acontece neste sábado, no Chevrolet Hall

por Luiz Fernando Motta 06/05/2016 08:00

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
Guto Costa/divulgação
(foto: Guto Costa/divulgação )
Um show que começa à noite e vai até o amanhecer. É o que promete Paula Fernandes, que se apresenta amanhã, no Chevrolet Hall, em Belo Horizonte. Bem que os fãs queriam que a cantora passasse toda a madrugada no palco, mas o anúncio se refere à estrutura do espetáculo, que terá três etapas. Luzes, painéis de LED e a levada das canções vão ditar os diferentes momentos. A noite, mais pop, inclui canções como Não precisa. A madrugada pede clima acústico e romântico, como o da música Pedaço de chão. A manhã será embalada por Amanhecer, faixa-título do último disco, lançado em 2015.


Paula traz o novo show à capital pela primeira vez. Nascida em Sete Lagoas, ela mora na cidade, onde mantém o escritório Cheiro de Mato. “Passei por vários estados e agora chegou o momento de BH. Aqui é diferente, sempre conseguimos reunir mais amigos. Quero muito passar a leveza que estou vivendo para o mineiro”, diz.

O show terá também clássicos da carreira – todos com novos arranjos. “Duas de que mais gostei com nova roupagem foram Pra você e Cartas no porão, esta última com um novo andamento. O público vibrou muito com elas, pois sentiu essa renovação”, conta. Outro sucesso é Piração, último clipe da mineira. No vídeo, ela surge em vários papéis – como produtora de shows, fã e artista. “Também sou fã, também sou produtora, participo da escolha de figurino. Vou nos mínimos detalhes”, garante.

SANDY

 

Parcerias têm se tornado uma constante. A última delas foi com Sandy, que participou do DVD da mineira gravado há três semanas, em São Paulo. Paula chegou a chorar ao abraçar a cantora durante Sensações. “Fiquei muito emocionada. Foi uma coisa que aconteceu no momento certo”, diz.

Depois de cantar You’re still the one com a estrela canadense Shania Twain, Paula revela que em breve o público vai conhecer nova parceria internacional dela. No entanto, faz questão de manter o mistério. “É um nome de peso internacional. Não posso nem contar o gênero, senão vocês descobrem facilmente”, brinca.

POLÊMICAS

 

Paula diz que o momento é de felicidade e leveza, mas ficou chateada com pessoas que têm usado uma foto dela ao lado da presidente Dilma Rousseff para defender o boicote a seus shows. “Estão divulgando uma foto de 2012, quando fui convidada a ir a Brasília participar de uma campanha de conscientização no trânsito. Na verdade, não apoio nenhum partido. Fico assustada com a falta de prudência dessas pessoas”, desabafa.

Ela também comentou polêmica recente, quando reclamou de um violão desafinado durante o programa Domingão do Faustão, na Rede Globo. “Fico impressionada com a repercussão de uma coisa que não aconteceu. Não houve xingamento. Pegam uma frase e a jogam no ventilador. Achei ridículo e indigno o que fizeram. No sábado passado, participei do Caldeirão do Huck e recebi uma homenagem linda. O público tem que tomar mais cuidado e procurar fontes seguras de informação”, conclui.

PAULA FERNANDES
Amanhã, às 22h. Chevrolet Hall. Av. Nossa Senhora do Carmo, 230, São Pedro, (31) 3209-8989. Arquibancada: R$ 100 (inteira) e R$ 50 (meia). Mesa: R$ 720 e R$ 560.

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE MÚSICA