Trio mineiro Carmem Fem faz show para ver e ouvir no Sesc Palladium

Grupo que tem artista plástica entre seus integrantes sobe ao palco com maiôs desenhados por Ronaldo Fraga, adota ''estética da noite com uma pitada retrô brega'' e homenageia Secos e Molhados

29/09/2015 18:30

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
Carmen Fem / Divulgação
Trio é formado pelos músicos Francesco Napoli e Dablio Slama e pela artista plástica Camila Buzelin (foto: Carmen Fem / Divulgação)
Músicas que mesclam o eletro, o punk e o pop. Letras que passeiam pelo poético, com toques cômicos e pensamentos profundos. E uma estética que visita o brega, o noturno e o solar. Esses são os elementos que marcam o trabalho do Carmen Fem, trio mineiro que se apresenta nesta quarta-feira (30/9), no Sesc Palladium, em Belo Horizonte.

Formado pelos músicos Francesco Napoli e Dablio Slama e pela artista plástica Camila Buzelin, o grupo prepara um show com músicas de seu primeiro trabalho e composições inéditas. O projeto nasceu de conversas entre os integrantes. A experiência musical de Dablio e Francesco acrescida do estilo artístico de Camila incentivou os três a explorarem novas vertentes musicais. “Esse é o diferencial do Carmen Fem, esse deslocamento da Camila, trabalhando sempre a composição com um olhar das artes visuais”, afirma Francesco.

Ao longo do último ano, o Carmen Fem compôs e gravou mais de 30 músicas, lançando apenas seis em seu primeiro EP homônimo. As canções tratam de temas cotidianos com uma sonoridade diferenciada, procurando fugir de modismos e padrões.

“A Camila sempre falava 'vamos tocar música', 'vamos fazer música', 'vamos brincar disso'. Nesse processo, acabou acontecendo o Carmen Fem e a ideia foi ficando interessante”, diz Francesco. Ele conta que um convite para se apresentarem em Amsterdã (Holanda) foi essencial para o projeto ganhar forma. “Quando surgiu o convite, fizemos um cronograma apertado para ensaiar, gravar e fazer tudo acontecer. Gravamos um EP totalmente independente por acreditar no nosso trabalho.”

Na composição do show inédito, a partir do qual será feito o primeiro registro em vídeo do grupo, 17 músicas aparecem no set-list, dentre elas as seis que compõem o primeiro disco, como Telemarketing e Agora são três pinos. O repertório inclui ainda uma releitura de Fala, sucesso do grupo Secos e Molhados, que será homenageado.

Para Francesco, há várias semelhanças visuais entre o Carmen Fem e a banda liderada por Ney Matogrosso. “É uma referência bem interessante, com um visual forte que chama a atenção. De certa forma, o Carmen Fem trabalha esse lado visual. Isso foi sempre um elemento crucial para a gente.”

Com maiôs que misturam os estilos praiano e noturno, assinados por Ronaldo Fraga, o Carmen Fem se dispõe a mesclar referências kitsch-cult no palco. “O cenário vai refletir uma estética da noite com uma pitada retrô brega. Fica difícil falar especificamente, só mesmo indo para conferir”, diz Camila Buzelin.

A apresentação conta ainda com participações especiais dos músicos Aleks Ka e Gleison RC, no baixo e na bateria, respectivamente. Mamede e Zanarth também auxiliam nas baquetas, durante alguns números musicais.

PRIMEIRO TRABALHO
 
Lançado em abril deste ano, o EP Carmen Fem chegou primeiro ao mercado de Amsterdã. Foi produzido por André Cabelo e Lucas Nascimento, que também cuidam da direção musical do show desta quarta-feira (30/9).

Integrante dos grupos Falcatrua, Tropofonia e do projeto Pausa Para, Francesco Napoli garante que tratar a rotina diária nas músicas ajuda a atingir um público diverso. “São coisas simples, do cotidiano, que apesar de estarem no dia a dia, passam despercebidas com a correria. Várias pessoas se identificam com aquela temática, de várias classes e pensamentos”, comenta.

“Certamente as letras são profundas, mas é de uma linguagem mais acessível. Essa é a insistência da Camila em fazer música. A grande responsável por tudo é ela. Eu mesmo nunca tinha vivido isso na minha trajetória, na minha vida, até agora”, completou o músico.

Planos não faltam para o Carmen Fem. Segundo o músico, a intenção é começar a produzir um segundo EP ainda neste ano. “A ideia é gravar rapidamente, porque já temos muita coisa escrita e produzida”, afirma.

Carmen Fem
Show da banda. Quarta-feira (30/9), no Teatro de Bolso do Sesc Palladium (avenida Augusto de Lima, 420, Centro). Ingressos: R$ 20 (inteira) e R$ 10 (meia-entrada).

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE MÚSICA