Claudia Leitte é acusada de racismo nas redes sociais

Em foto no Instagram, cantora faz homenagem ao aniversário de 467 anos de Salvador e se intitula 'negalora do Pelô'

por Diário de Pernambuco 31/03/2016 11:00

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.

A cantora Claudia Leitte está sendo acusada de racismo nas redes sociais. Em foto postada na noite de terça-feira (29/03), Claudia faz homenagem ao aniversário de 467 anos de Salvador e se intitulou "negalora do Pelô"

Reprodução/Instagram
Claudia postou uma homenagem ao aniversário de Salvador e causou controvérsias (foto: Reprodução/Instagram)

"Africana da Alemanha, Negalora do Pelô, nasci em São Gonçalo e... com 5 dias de vida fui morar em Salvador. Hoje eu vivo pelos céus e estradas, mas essa terra continua sendo o lugar que chamo meu lar. Obrigada, Deus, por me plantar nessa cidade e me regar com tanta baianidade", escreve ela na legenda. O trecho inicial da legenda é parte da letra da faixa Magalenha, do DVD Negalora (2012).

A postagem gerou revolta entre os seguidores. Nos comentários, a cantora foi criticada: "Você não é africana e nem nega. É só Alemanha e 'lora' mesmo".


Outro seguidor alfinetou: "Nem africana, nem negra. Tá mais pra branca apropriadora. Reconhece tua cor e teus privilégios". "É bonito ser negra desde que você não seja negra. Agora quando é pra lutar contra o genocídio do povo preto não vejo ninguém", comentou uma internauta.

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE MEXERICO