Estátua do apresentador Chacrinha é danificada e tirada das ruas no Rio de Janeiro

Vândalos atacam obra criada pelo escultor Ique que homenageia o apresentador de TV e ícone do Tropicalismo

por Agência Estado 04/09/2015 12:14

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.


 Daniel Coelho/Prefeitura do Rio de Janeiro/divulgacao
Estátua de Chacrinha é retirada das ruas, no Jardim Botânico (foto: Daniel Coelho/Prefeitura do Rio de Janeiro/divulgacao)
Vândalos danificaram a estátua de Abelardo Barbosa, o Chacrinha (1917-1988), instalada no Jardim Botânico, na Zona Sul da capital fluminense. Esta semana, a obra foi recolhida pela prefeitura carioca para reparos. Com a estrutura de sustentação abalada, ela corria o risco de cair. Os responsáveis pelos estragos não foram identificados. A obra de bronze foi criada pelo escultor e cartunista Ique.

Com 1,90m, a estátua homenageia o comunicador pernambucano que fez sucesso no rádio e na TV comandando um dos programas de auditório mais importantes do país, frequentado por ídolos como Roberto Carlos, Cazuza, a banda Titãs, Waldick Soriano e Odair José - enfim, artistas de todas as vertentes da música popular. Chacrinha se tornou ícone do movimento tropicalista liderado por Caetano Veloso e Gilberto Gil e foi citado no clássico 'Aquele abraço', de Gil.

De 25 a 27 de setembro, BH assistirá a 'Chacrinha, o musical'. Dirigido  por Andrucha Waddington e estrelado por Stepan Nercessian, o espetáculo, que conta a história do apresentador, ficará em cartaz no Palácio das Artes.

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE MEXERICO