Lázaro Ramos recusa homenagem do Senado, segundo revista

Ator preferiu não receber comenda que reconhece contribuição à cultura negra, "na esperança de que tenhamos consciência de que o importante não é o aplauso pelo que foi feito e sim o próximo passo a ser dado"

por Estado de Minas 06/11/2016 14:55

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.

RENATO ROCHA MIRANDA/DIVULGAÇÃO
O ator Lázaro Ramos (foto: RENATO ROCHA MIRANDA/DIVULGAÇÃO)

O ator Lázaro Ramos se recusou a ser homenageado pelo Senado, que pretendia lhe concede a Comenda Abdias Nascimento, de acordo com informações da revista Fórum.

A comenda foi criada em 2013, a partir de um projeto dos senadores Lídice da Mata (PSB-BA) e Paulo Paim (PT-RS), com a intenção de "homenagear os que contribuem para a proteção e promoção da cultura afro-brasileira".

O reconhecimento abrange a cada ano cinco pessoas, e a homenagem é feita em sessão especial do Senado no mês de novembro, quando já é celebrado o Dia da Consciência Negra.

Um conselho composto por representantes dos partidos define os homenageados a cada ano, a partir de indicações de parlamentares e entidades relacionadas à promoção da cultura negra.

De acordo com a revista Fórum, Lázaro avisou pessoalmente o senador Paulo Paim, presidente do conselho responsável pela definição dos agraciados com a comenda, sobre sua decisão de não recebê-la e formalizou a recusa com o seguinte texto:

"Abdias do Nascimento foi um homem que estava na trincheira da luta pelos direitos da população negra e menos assistida do país.

Tem uma história de luta que é referência para todos nós que queremos um país mais igualitário.

Neste momento não me sinto confortável e nem desejoso de nenhuma homenagem pois acho que o momento do país é de conscientização, de organização para compreender em que momento histórico estamos e quais passos precisamos dar para fazer com que a tão sonhada igualdade aconteça um dia de verdade.

Então, por esse motivo, recuso essa homenagem na esperança de que tenhamos consciência de que o importante não é o aplauso pelo que foi feito e sim o próximo passo a ser dado.”

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE E-MAIS