Clara Averbuck lança 'Toureando o diabo'

A escritora gaúcha e a ilustradora Eva Uviedo produziram seu livro via financiamento coletivo

por Ana Clara Brant 14/04/2016 09:25

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
Renato Parada / Divulgação
(foto: Renato Parada / Divulgação )
A escritora (e umas das pioneiras da blogosfera no Brasil) Clara Averbuck tem sete livros publicados, mas pela primeira vez fez uma obra independente, produzida a partir do financiamento coletivo. Toureando o diabo foi construído com textos assinados pela autora e ilustrações de Eva Uviedo e é um “romance repleto de sexo, beleza e socos no estômago”, como ela define.

Clara conta que a obra só tem esse formato e essa narrativa porque as duas se deram a liberdade de criar sem amarras. “Demorou um pouco para cair a ficha, mas, quando caiu, a coisa começou a fluir muito bem. Decidi fazer dessa forma, porque não acho justo a forma que o mercado funciona, com as livrarias ficando com 50% do preço de capa, as editoras com 40% e o autor apenas com 10% de sua própria obra. Entendo perfeitamente a escolha dos autores que preferem seguir publicando via editora, posto que ser independente é uma trabalheira, mas não me arrependo. A parte burocrática é realmente muito chata, mas o resultado faz tudo valer a pena”, afirma a escritora gaúcha, que estará em Belo Horizonte nesta quinta (14) à noite para lançar Toureando o diabo.

Na obra, Clara retoma uma personagem, Camila, que esteve presente nos seus primeiros romances e que é uma espécie de alter ego da autora. Agora, a então garota que perseguia o amor sem pausa para o descanso é uma mulher forte, mas que cai em cilada, que tomba e se levanta. “Minha convivência com mulheres me fez ver que passamos por muitas situações em comum; situações ruins, às vezes de abuso e que sentimos vergonha por isso, tentamos até ignorar para não sermos tachadas de fracas, de ‘cheias de mimimi’. Saber que muitas mulheres passam por isso é ao mesmo tempo horrível e um alívio, pois sentimos que não estamos sozinhas. E essa foi uma das minhas intenções com o amadurecimento da Camila”, explica.

A parceria com Eva Uviedo ou melhor, a coautoria, é um dos aspectos interessantes da publicação. Com a narrativa toda costurada a partir de desenhos, rabiscos e bilhetes feitos à mão, texto e imagem dependem intrinsecamente um do outro. Clara Averbuck revela que já fez vários projetos com a amiga ilustradora, que assina as capas de todos os seus livros. Mas neste o processo criativo foi bem diferente. “A imagem complementa o texto que complementa a imagem. Foram noites e noites no estúdio dela cortando texto, pensando em desenhos, procurando em bilhetes e cadernos coisas que se encaixassem na narrativa que estávamos criando. O livro fala muito de sentimentos, e a Eva tem essa série que se chama Sobre amor e outros peixes, que usa os seres do mar como analogia para as nuances e sutilezas que envolvem os relacionamentos humanos, como amor, dependência, carinho, dominação, paixão, e essas analogias se entrelaçam de forma vital com o texto”, afirma.

Toureando o diabo
Lançamento nesta quinta (14) do livro de Clara Averbuck e Eva Uviedo. Às 19h, no Oliver Art Bar (Rua São Romão, 30, São Pedro).
Informações: (31) 2526-3930. Preço sugerido: R$ 50. Vendas online: www.evauviedo.com.br

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE E-MAIS