Parte da exposição de Marilyn Monroe é roubada na Europa

No caminho da Itália à República Tcheca, um dos caminhões que levava o acervo foi assaltado

por Fernanda Machado 24/05/2013 16:53

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
MICHAL CIZEK/ AFP
Banner de divulgação da mostra em ônibus, na capital Tcheca (foto: MICHAL CIZEK/ AFP)
Depois de cinquenta anos de sua morte, Marilyn Monroe é tema de uma exposição que reúne artigos pessoais, fotografias e figurinos. Atualmente a exposição está circulando pelo continente europeu. Entretanto, parte do acervo foi roubado nessa terça-feira, 21, informou Jan Trestik, curador da mostra.

O incidente aconteceu no caminho entre Florença, na Itália, e a República Tcheca. Um porta-voz do Castelo de Praga, espaço onde acontecerá a exposição, afirmou que a maioria absoluta do acervo está intacta e que, apesar do ocorrido, a mostra acontecerá a partir do dia 30 de maio.

Depois de Praga, as raridades de Marilyn serão expostos em Tóquio, no Japão.

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE E-MAIS