Conheça cinco filmes que contam um pouco da história de Cuba

A ilha já foi palco para diversos longas que documentam a sua história

por Fernanda Machado 17/12/2014 21:26

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
Reprodução
(foto: Reprodução )
Cuba é palco para os olhares curisoso de cineastas e já serviu de cenário para grandes obras do cinema, como Poderoso Chefão, Scarface e A Cidade Perdida, além de documentários que contam histórias da vida na ilha. 
 
Cuba além de uma rica, mas ainda pouco conhecida, produção cinematográfica, também se destaca pela divulgação e ensino de cinema na América Latina. Além do ICAIC, que realiza e patrocina um grande número de filmes latino-americanos, Cuba também possui uma escola internacional de cinema, a Escuela Internacional de Cine, Televisión y Video de San Antonio de los Baños, localizada em San Antonio de los Baños, próximo à Havana, e é referência para o ensino de cinema no mundo e é mantida pelo governo cubano, por Gabriel Garcia Márquez, por Fernando Birri e pela Fundación Del Nuevo Cinema Latinoamericano. Em Havana, se realiza anualmente, desde 1979, o maior festival de cinema latino-americano, o Festival Internacional Del Nuevo Cine Latinoamericano.
 
Em março deste ano, o cinema americano conseguiu superar algumas das restrições que fazem parte do embargo contra Havana, e filmou Papa, o longa que conta a história da amizade entre o jornalista americano Denne Bart Perticler e o escritor Ernest Hemingway. O diretor Bob Yari, superou o que muitos diretores, como Ford Coppola, Steven Sodebergh, Ronald Donaldson e Sydney Pollack, não conseguiram. 'Papa' foi o primeiro filme de Hollywood filmado em Cuba nos últimos 55 anos, desde a revolução. A retomada de relações entre o país latino e os EUA, anunciada nesta quarta-feira, 17, deve trazer ainda mais surpresas às telonas. 


Conheça cinco filmes que contam um pouco da história de Cuba:

Antes do Anoitecer (2001)
 
 
O espanhol Javier Bardem está no papel de Reinaldo Arenas, poeta e escritor cubano que foi perseguido pelo regime comunista por ser homossexual. O longa conta a história de Roberto, escritor premiado que foi condenado à prisão. Chegou a ser enclausurado numa solitária pequena e infecta no presídio de El Muro, que funcionava como uma espécie de campo de concentração do regime cubano para intelectuais gays. 

Buena Vista Social Club (1998)
 
 

Durante muitos anos, artistas cubanos se reuniam na casa noturna Buena Vista Social Club, em Havana. O produtor musical e o diretor alemão Win Wenders foram atrás desses ídolos da música cubana no documentário homônimo. O longa de 1998, registra a produção do disco e a turnê dos mestres em Nova York e na Alemanha.   


7 Days in Havana (2012)
 
 

Através da sua visão particular e com a cidade de Havana como pano de fundo, sete realizadores contam sete histórias. Com o filme dividido em sete capítulos, cada um, um dia, dando a conhecer a cidade e os seus habitantes de uma maneira própria, com os seus bairros, atmosferas, gerações e culturas através da sensibilidade particular do seu autor. Na direnção  do longa estão Benicio Del Toro, o argentino Pablo Trapero, Julio Medem, Elia Suleiman, Gaspar Noé, Juan Carlos Tabío e Larent Cantet. 

Morango e Chocolate (1994)
 
 

O filme cubano que obteve maior destaque mundial foi “Morango e Chocolate” de Tomás Gutiérrez Alea e Juan Carlos Tabió. Retratando uma belíssima história sobre a intolerância e a amizade entre um homossexual e um membro da juventude comunista cubana, o longa foi o primeiro filme cubano a ser indicado para o Oscar de Melhor Filmes Estrangeiro.

Havana (1990)
 
 
O romance entre Jack (RObert Redford), jogador norte-americano que está na cidade para organizar um histórico torneio de pôquer, e a cubana Roberta (Lena Olin), tem como pano de fundo a violenta fase de transição da política de Cuba na década de 1950. Pouco depois de aportarem, a mulher reencontra seu marido, o revolucionário Arturo, e os dois acabam presos e torturados. Depois de libertar Roberta, Jack vive o diléma de juntar-se a sua amada na luta política revolucionária ou participar do jogo que pode mudar a sua vida.



VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE CINEMA