Entre dunas e falésias, o litoral do Rio Grande do Norte é um convite aos casais apaixonados

Era apenas uma sossegada vila de pescadores até ser tomada por surfistas em busca de ondas radicais e, logo, por turistas de todos os cantos do mundo. Esta é a Praia de Pipa, localizada no município de Tibau do Sul, a 85 quilômetros de Natal, no Rio Grande do Norte. Um lugar que oferece cenário fascinante, com dunas sobrepostas no horizonte, tabuleiros que acabam em falésias, praias com águas claras, além de roteiro de passeios de tirar o fôlego

por Larissa Ricci 17/07/2018 07:12

Arquivo Pessoal
Praia do Amor, em Pipa, atrai pela pela beleza e pela aura romântica (foto: Arquivo Pessoal)

 

Ao contrário do que muita gente pensa, Pipa não é apenas uma praia, mas uma orla composta por várias delas e uma lagoa: praias do Amor, Madeiro e Cacimbinhas, entre outras, e Lagoa Guaraíras e Baía dos Golfinhos. Cada uma com seu diferencial de atividades esportivas – surfe, kitesurfe, caiaque – e de natureza com falésias, golfinhos, berçário de tartarugas e santuários ecológicos. O nome, pipa, deve-se ao fato de que os portugueses, ao passar de navio pelas proximidades, avistaram uma pedra que lembrava o formato de uma pipa. Pipa, em Portugal, é a denominação mais usual para barril de vinho ou de azeite.


Mar agitado, areia larga e muita gente jovem. Entre tantas praias para conhecer, vale destacar a praia do Amor. Ela está entre as mais populares do município e, geralmente, tem atraído turistas pelas ondas radicais, competições de surf e pelas prometidas atrações noturnas, para quem procura o amor de uma noite. São “baladas” para todos os estilos: luaus abertos, festas com música eletrônica e casas de shows.

 

Huberto Sales/Divulgação
Pipa, em Tibau do Sul, no RN é cenário perfeito para descanso (foto: Huberto Sales/Divulgação)

Lugar propício também para a gravação do reality show De férias com o ex, exibido pela MTV. O programa, muito popular entre os jovens, propõe um lugar paradisíaco, em que mulheres e homens ficam confinados em meio ao clima de paquera. É quase impossível assistir ao programa e não querer fazer tantos passeios cercados por belas paisagens. 

 

Love's in the air

Arquivo Pessoal
Everson Ramos se ajoelha para pedir em casamento a namorada, Mariana, no Mirante do Chapadão (foto: Arquivo Pessoal)
 

A praia do Amor ficou conhecida por esse nome pelas pedras das piscinas naturais com o formato de coração. O lugar também pode ser um destino para quem procura tranquilidade e somente relaxar ao lado do “mozão”. Foi no mirante erguido por falésias que Everson Ramos Silva, de 30 anos, ajoelhou-se para pedir em casamento a namorada, Mariana Paiva Chaves, de 35. O casal, que é de Brasília, surpreendeu quem passeava pelo Chapadão – como é conhecido o lugar –, com o ato romântico no fim de tarde. “Planejei a viagem para Natal justamente por ter essa praia e já estava com o pedido em mente. Por ser um cenário deslumbrante e também por ter um significado muito representativo para o pedido, pois estávamos na praia do Amor”, contou Everson.


“Foi um dia no qual parecia que nada daria certo. Tínhamos, na programação do dia, um passeio de lancha em Pipa, e a Mariana não se sentiu muito bem durante o passeio. O próximo ponto de parada seria a praia do Amor e ela ainda não estava totalmente recuperada. Logo, pensei que não seria possível realizar o pedido”, lembrou Everson. Mas, por algum “milagre”, depois de descansar um pouco, ela já estava se sentindo bem melhor. “Foi quando fomos à praia, tomamos um banho de mar e, em seguida, subimos no Chapadão. O coração bateu acelerado, fiquei nervoso, encontrei um rapaz que estava se oferecendo para fazer algumas fotos. Aproveitei a distração dela com a vista encantadora e retirei o anel da bolsa. Fui em direção a ela, me ajoelhei e fiz o pedido. As pessoas que estavam no local se emocionaram e vibraram com o pedido. Foi realmente emocionante”, contou.

 


De acordo com uma lenda local, quem tira uma foto no Chapadão com a pessoa amada dela nunca se separa. E é isso que Everson e Mariana esperam. Registros não faltaram e o casório deve sair em 18 meses. Agora, para aqueles que ainda não encontraram sua cara-metade ou já se cansaram da vida de solteiro, a praia do Amor também promete ajudar. Em um dos restaurantes mais populares da região, o Amô Restaurante & Tapiocaria, os solteiros podem amarrar uma fita no pequeno mural “Rede do amor: faça seu pedido”. De um lado, “Pesque seu peixão”; do outro, “Fisgue sua sereia”. Dizem que, em breve, o grande amor aparece.

BARCOS E BUGGIE

 Seja com a família ou com as amigas, seja com o namorado ou com o ex. Opções não faltam em Tibau do Sul, muito menos em Natal. Boa dica para os turistas de primeira viagem é contratar uma empresa para fechar os passeios. O Luck Receptivo é ótima opção. A empresa oferece estrutura completa e funcional, com passeios, traslados, eventos e grupos especiais. Há passeios de todos os preços, de R$ 75 a R$ 210, dependendo do destino e dos serviços disponibilizados.


Um desses passeios é na lagoa de Guaraíras (R$ 210). Lá, o turista tem a opção de passear pelas águas tranquilas a bordo de um barco típico de pescadores, mas adaptado para oferecer todo o conforto. Nesta excursão, há a possibilidade de ver os golfinhos de perto e conhecer um pouco da história e do ecossistema do lugar. O pôr do sol é um show à parte, com o céu em aquarela roxa e rosa. Por esse valor, os passeios podem durar até 6 horas e incluem almoço, petiscos deliciosos da região e bebidas.

 

Com emoção ou sem emoção

 

Frankie Marcone/EM
Praia de Genipabu é um dos cartões-postais de Natal (foto: Frankie Marcone/EM)

Outro lugar que precisa entrar no roteiro turístico de quem passa por lá é a praia de Genipabu. Localizada no litoral norte, a 24 quilômetros de Natal, é um dos cartões-postais mais famosos do Rio Grande do Norte. E para quem gosta de aventura, não pode perder os tradicionais passeios de buggies pelas dunas de Genipabu. “Com emoção ou sem emoção?”, pergunta o motorista aos que embarcam no veículo. Em um passeio com bastante adrenalina – caso assim escolha –, você sentirá muita brisa no rosto e até um pouco de dificuldade de tirar a areia do corpo depois do passeio. O turista se depara com um “deserto” de areias claras, cenário ótimo para fazer muitas fotos. Por lá, ainda há a opção de fazer um passeio de dromedários e de visitar o Aquário Natal. O passeio, com o Luck Receptivo, por exemplo, custa a partir de R$ 75, mas não inclui todos os percursos e nem refeição.

 

 CVC/Divulgação
Não é o deserto do Saara. Passeio de camelos nas dunas de Genipabu (foto: CVC/Divulgação)

O melhor de tudo é que, enquanto as baixas temperaturas predominam na maior parte do país nesta época do ano, em Natal, a temperatura mínima fica em torno de 20 graus e os mineiros gostam. Deixam o tradicional pão de queijo para comer um delicioso camarão. Segundo pesquisa feita pela CVC, os turistas mineiros ocupam o segundo lugar entre os que mais visitam Natal – ficando atrás apenas dos paulistas.

 

Opções de hospedagem não faltam em Natal, de todos os preços e gostos. A dica é o resort Wish Natal, do Grupo GJP, que fica na Via Costeira da capital potiguar, a 8 quilômetros do Centro da capital. A GJP Hotels & Resorts acaba de reinaugurar o seu mais novo empreendimento, depois de ampla reforma de todas as instalações. Adquirido pela rede em julho de 2016, o hotel passou por reforma e ganhou a bandeira cinco estrelas. Com o formato, que mais lembra um navio, os hóspedes podem ficar em quartos de frente para o mar, assim como com vista para o Parque das Dunas e o Morro do Careca.

ABERTO AO PÚBLICO

 GJP Hotels & Resorts/ Divulgação
Resort Wish Natal foi eleito um dos melhores do Nordeste brasileiro (foto: GJP Hotels & Resorts/ Divulgação )

Tem praia semiprivativa e as diárias a partir de R$ 479 por pessoa, em apartamento duplo, com café da manhã. O atendimento é excelente e os pratos bem-elaborados. O hotel é mais do que um lugar para você apenas chegar no fim do dia para dormir. É para relaxar e, se desejar, passar todo o dia deitado em uma rede enquanto lê um livro. A programação inclui meditação ao amanhecer, café da manhã completo com música ao vivo. Além do mais, o resort ainda oferece despertar muscular, treino funcional, aula de body step, pilates e ioga, entre outras atividades. Para a noite, ainda há ampla programação, com sunset e luau com Djs para curtir ótimos drinques.


A experiência pode ser ainda melhor ao experimentar os pratos dos restaurantes. No Malta, também na área externa, os almoços e jantares são servidos em estilo bufê ou à la carte, com os sabores da gastronomia local e internacional. Bem ao lado da recepção, há ainda o espaço “The Grill”, outro restaurante especializado em carnes que será inaugurado ainda este mês. Caso não seja hóspede e esteja de passagem pela cidade, vale uma parada para jantar por lá. O local é aberto ao público. (LR)


PARA SE HOSPEDAR
» Wish Natal 
Com localização privilegiada, o Wish Natal fica na Via Costeira da capital potiguar, a dois quilômetros do Centro de Convenções da cidade, 
oito quilômetros do Centro 
Histórico e a 35 quilômetros do Aeroporto Internacional Governador Aluízio Alves

PARA VISITAR
» Praia de Pipa
Fica a 90 quilômetros de Natal. Um local de características ecológicas de falésias, onde parte da mata atlântica está preservada

» Lagoa de Guaraíras
Águas tranquilas da Lagoa de Guaraíras a bordo de um barco típico de pescadores adaptado para oferecer charme e conforto. Nesta excursão há a possibilidade de ver os golfinhos de perto

» Passeio a Genipabu

Saindo dos hotéis pela manhã, atravessando a ponte Newton Navarro, chega-se à praia de Genipabu. A praia é um dos cartões-postais mais famosos do Rio Grande do Norte, com seus vastos parques de dunas e mar de águas tranquilas 

 

 

* A jornalista viajou a convite de GJP Hotels e Resorts, Wish Natal, Luck Receptivo e Ponta Pirambu  

['__class__', '__cmp__', '__contains__', '__delattr__', '__delitem__', '__dict__', '__doc__', '__eq__', '__format__', '__ge__', '__getattribute__', '__getitem__', '__gt__', '__hash__', '__init__', '__iter__', '__le__', '__len__', '__lt__', '__module__', '__ne__', '__new__', '__reduce__', '__reduce_ex__', '__repr__', '__setattr__', '__setitem__', '__sizeof__', '__str__', '__subclasshook__', '__weakref__', 'clear', 'copy', 'fromkeys', 'get', 'has_key', 'items', 'iteritems', 'iterkeys', 'itervalues', 'keys', 'pop', 'popitem', 'request', 'setdefault', 'update', 'values', 'viewitems', 'viewkeys', 'viewvalues']