Desvio de rota: conheça a opção para mineiros a caminho das praias do Espírito Santo

Descubra o charmoso roteiro das montanhas capixabas, a 100 quilômetros da capital, Vitória, entre os municípios de Domingos Martins e Venda Nova do Imigrante. Destaque para a Pedra do Lagarto ou Pedra Azul, pelas mudanças de cores em sua rocha com as variações de luz, o maciço é garantia de diversão para a família e também para casais apaixonados

por Leandro Couri 01/05/2018 07:12

Leandro Couri/EM
Pedra do Lagarto, na região do Parque Estadual da Pedra Azul, no Espírito Santo, contribui para o charme do lugar (foto: Leandro Couri/EM)
 

Tendo como base a charmosa pousada Rabo do Lagarto, localizada no fim da Rota do Lagarto, estrada que margeia a montanha, a reportagem do Estado de Minas passeou por pontos da região, onde viu os empreendimentos locais de produtos de alta qualidade, com destaque para o cultivo de orquídeas, alimentos orgânicos e café, e produção de queijo, cachaça e cerveja artesanal. Nos dias em que estivemos por lá, sempre depois de um belo café da manhã oferecido pela pousada saíamos para ver as belezas daquela região. “As pessoas precisam descobrir ainda mais este paraíso, que passa despercebido por muitos”, aponta Lilia Melo, proprietária da pousada e anfitriã, que fez questão de mostrar as variadas opções locais.

Leandro Couri/EM
Pequena e simpática vila abriga alguns restaurantes, food trucks e uma base do Instituto Jutta Batista (foto: Leandro Couri/EM)

No fim da estrada, antes do Rabo do Lagarto, que é o nome da pousada, exatamente por estar ao fim da rota, há uma vila com o restaurante da Tuia, o Taruira Foodtruck Restaurant, a lojinha com a produção das voluntárias do Instituto Jutta Batista e a Mariella Delicatéssen, que encantam pelo jardim, bons cardápios e pelo charme da decoração colonial mezo ítalo-germânicas. “Todos nós que vivemos aqui temos muitos carinho pela região e por quem vem nos visitar”, destaca Lilia.

AGROTURISMO

Leandro Couri/EM
Orquidário Caliman, uma das atrações do agroturismo, muito comum na região das montanhas capixabas (foto: Leandro Couri/EM)
Com mais de 10 anos de produção e uma proposta de contemplação, o orquidário Caliman (nome da família de imigrantes italianos) é um dos diversos pontos de produção de orquídeas de Venda Nova do Imigrante. Além do estudo genético das espécies e do desenvolvimento de exemplares híbridos, o local serve de parada para os amantes da orquidofilia. “O bom da vida não está no plano cartesiano”, atenta um dos responsáveis pelo orquidário sobre a recusa em ser um local para venda das espécies: “Não temos o objetivo de ganhar dinheiro aqui”, dispara.

No Sítio Lourenção, de uma família de italianos que veio de navio para Vitória, em 1885, fomos recebido por dona Bernadete e seu Máximo, que mostraram o processo de cura do socol, embutido de carne de porco de receita italiana. “Muitos turistas passam por aqui só para comprar o nosso socol e outros antepastos”, conta Bernadete Lourenção, que ainda destacou a procura por brócolis, lichia, licor Limoncello e pitaia. “Adoramos receber as pessoas e passar a tarde tomando vinho e conversando no quintal”, convida.
Leandro Couri/EM
Chame e romantismo com vista privilegiada dos vales e das montanhas (foto: Leandro Couri/EM)

A região também atrai estrangeiros e muitos brasileiros de outros estados interessados em fixar moradia e empreender por ali, dada a riqueza da terra. É o caso da agricultora Eliana Brum, dona do Sítio de Saron Hidroponia. “Há 12 anos faço o meu ponto por aqui e tenho sorte. O turista, depois que vem a primeira vez, faz daqui sua parada obrigatória”, conta a mineira de Ipatinga, no Vale do Aço, que se apaixonou pelas montanhas capixabas. No sítio, são vendidos alface em diversas espécies, brócolis, rúcula, mostarda inglesa, chicória, acelga e agrião, entre outros.
Leandro Couri/EM
A pousada Rabo do Lagarto está instalada num ambiente de contemplação de grande beleza paisagística (foto: Leandro Couri/EM)

Já o holandês Arno Wieringa, de 53 anos, que veio para a região em 2000, criou o Apiário Florin, localizado às margens da rodovia ES-165, em Domingos Martins, e tem público cativo a cada dia da semana. Filho de apicultor, ele reconhece que a cada dia o movimento aumenta e se queixa qde ue, mesmo morando em plena natureza, não tem tempo para tirar férias. “Nossos clientes ficam de férias, mas nós não”, confessa Arno, que realiza 30% de sua venda on-line. “É preciso prever os períodos de baixa temporada e combinar um mercado com o outro”, finaliza.

PARQUE ESTADUAL

Leandro Couri/EM
Pausa para se refrescar nas piscinas naturais e apreciar a paisagem no topo da reserva florestal de Pedra Azul (foto: Leandro Couri/EM)
Já para quem gosta de ecoturismo, as trilhas do Parque Estadual da Pedra Azul, localizado no distrito de Aracê, reservam bela paisagem para o visitante que se aventurar pelos 3,5 quilômetros de caminhos auto-guiáveis (que são possíveis de se fazer sem o guia). Já na portaria, instruções importantes são passadas pelo funcionário José Belon, de 55, mais conhecido como Guarda Belo, em uma alusão ao personagem do desenho da série animada Manda Chuva. “Tire somente fotos, deixe somente pegadas, queime somente calorias e leve somente lembranças”, recita Belon, que trabalha na reserva há 33 anos e chega a receber 480 visitantes em uma semana.

Depois do primeiro mirante, caminhada que dura 10 minutos, de onde já se tem uma vista panorâmica de parte da Rota do Lagarto, há a trilha para a subida até as piscinas naturais, escalando-se parte da montanha por cabos de aço ancorados pelos guardas do parque. O passeio é de média dificuldade e é destino ótimo para quem curte adrenalina. Por outro lado, quem quiser subir até lá por um caminho mais tranquilo também é possível, pois uma nova trilha foi inaugurada recentemente para esse fim. Na vista lá do alto, as piscinas naturais aos pés dos 1.822 metros do Pico do Lagarto são a recompensa para o aventureiro, que pode se banhar nas águas geladas das nascentes do Rio Jucu, braços norte e sul, que abastece 70% do consumo de água na Grande Vitória.

Os passeios, gratuitos, ocorrem de terça-feira a domingo e devem ser agendados com um dia de antecedência pelo site do Instituto Estadual de Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Iema) (www.iema.es.gov.br/pepaz). O horário de funcionamento é das 8h às 17h. Os horários de saída para os passeios são às 9h e às 13h30. O passeio até as piscinas naturais demora de 2h30min a 3 horas, ida e volta. É aconselhável que o visitante esteja trajando roupas leves e confortáveis e calçados fechados, como tênis ou botas (sem salto), com boa aderência ao solo.

 

Gigante a caminho do mar 

 

Leandro Couri/EM
Estima-se que a Pedra Azul mude de cor 36 vezes por dia (foto: Leandro Couri/EM)

 

A montanha da Pedra Azul tem esse nome devido ao fato de que, dependendo da incidência da luz solar, pode mudar de cor, ficando por vezes azul ou verde e até mesmo avermelhada. Entretanto, a maior parte do tempo é branca acinzentada. Estima-se, de acordo com o quadro do parque, que a Pedra Azul mude de cor 36 vezes por dia. Localizada no município de Domingos Martins (ES), a Reserva Florestal de Pedra Azul foi criada por decreto, em 31 de outubro de 1960.

Serviço

onde ir

Orquidário Caliman

» Como chegar: no km 105 da BR-262, entre no Posto Esmig. Prossiga na avenida que corre paralela à BR até a Padaria Bel Pan e vire à direita. Siga pela Av. Lorenzo Zantonadi até o fim. Siga as placas em direção à Lavrinha. Depois de percorrer um quilômetro numa estrada de terra, vire à esquerda antes de uma pequena mata em frente a um galpão, e siga por mais 300 metros
» Funcionamento: todos os dias, das 8h às 17h
» Contato: (28) 3546-1136

Fazenda Lourenção
Plantação de pitaia, brócolis, lichia, licro Limoncello, socol e antepastos
» Endereço: Tapera, às margens da BR-262 (orientar-se pelas placas)
» Contato: (28) 3546-1130 e (28) 9982-3448; e-mail: socollorencao@hotmail.com

Fazenda Carnielli
Produção de queijos diversos, café e fubá
» Endereço: Rodovia Pedro Cola, km 4 – Providência
» Funcionamento: de segunda a sábado, das 8h às 17h30; domingo, da 8h às 16h30
» Contato: (28) 3546-1272 e (28) 3546-3152 (lojinha) e www.carnielli.com.br

Visita às propriedades do agroturismo
Pedra Azul e Venda Nova do Imigrante têm destaque no estado por conta do agroturismo. São várias as propriedades rurais que se abrem para receber turistas interessados em conhecer o local ou adquirir os produtos. Cada uma 
delas, portanto, vale por uma atração. 
Mas é bom saber que, na maioria, a visita se limita a conhecer a “lojinha” e comprar os produtos expostos. Com raras exceções, não 
há muita interatividade ou contato com o processo produtivo

Parque Estadual da Pedra Azul

A Reserva Florestal de Pedra Azul tem apenas 4% de uma área total de 1.240 hectares abertos à visitação. No circuito das trilhas, nos 3,5 quilômetros de caminhos autoguiados (que não precisam de guias) as paisagens montanhosas mostram a exuberância da fauna e da flora aos pés dos 1.822 metros da Pedra do Lagarto, um dos picos do parque. Os passeios, gratuitos, devem ser agendados no www.iema.es.gov.br/pepaz

Duração dos passeios: Até as piscinas naturais, de 2h30min a 3h (ida e volta); somente as trilhas baixas (base da Pedra Azul e Lagarto/Mirante), de 1h a 1h30min (ida e volta); Todo visitante deve trajar roupas leves e confortáveis (é permitido o uso de calças de ginástica, bermudas e calções) e calçados fechados, como tênis ou botas (sem salto), com boa aderência ao solo

Cervejaria Altezza
É a primeira cervejaria artesanal de Pedra Azul. Além de conhecer o processo artesanal de fabricação da cerveja, você pode fazer degustação, pagando um preço módico, de todos os 10 rótulos da marca baseados em diferentes estilos de fabricação. A Cervejaria Altezza funciona de segunda a sábado, das 9h às 17h. Visitas guiadas devem agendadas pelo (28) 99989-3311

Onde ficar

Pousada Rabo do Lagarto
Considerada uma das mais charmosas da região, a pousada faz parte do roteiro do charme, seleto grupo de pousadas e hotéis espalhados pelos país e é ótima opção para casais apaixonados e/ou famílias com adolescentes maiores de 14 anos
» Endereço: Rodovia Geraldo Santório, ES-164, Km 70 – Domingos Martins (ES)
» Informações: http://www.rabodolagarto.com.br/

Onde comer
Bistrô Chez Lagarto http://rabodolagarto.com.br/apousada#bistro
» Localização: o bistrô é uma extensão da Pousada Rabo do Lagarto
Restaurante Alecrim Cozinha Artesanal
» Endereço: ES-164, Km 73 – Domingos Martins (ES)
» Contato: (27) 3248-2178
Pecatto della Montagna

» Endereço: Rod. Geraldo Sartório São Paulo do Aracê, km 7, próximo ao Condomínio Monte Blu – Domingos Martins (ES) 

 

* O repórter viajou a convite da Pousada Rabo do Lagarto