Paixão, luzes e fé são dicas de roteiro religioso da Semana Santa no interior de Minas

A Páscoa nas cidades mineiras é uma das mais belas representações religiosas do país e atrai visitantes de todas as partes. Um desses eventos é o espetáculo Páscoa Iluminada, em Araxá , que celebra o feriado santo ao contar, de forma diferente e com muita tecnologia, os passos da Paixão de Cristo. Nesta edição do Turismo, preparamos um roteiro que vai conciliar a devoção com opções de lazer nos belos circuitos turísticos do estado

por Carlos Altman 13/03/2018 13:20

Carlos Altman/EM
Fachada principal do Hotel Tauá se transforma em cenário de luzes e cores até 8 de abril (foto: Carlos Altman/EM)
 

Faltavam 15 minutos para as oito da noite quando, aos poucos, o público foi chegando ao grande pátio externo do Tauá Grande Hotel de Araxá e se acomodando em uma das 750 cadeiras brancas dispostas, simetricamente, para assistir ao espetáculo multimídia com projeções tecnológicas na fachada do castelo, na Região do Triângulo Mineiro. No horário marcado, às 20h, todas as luzes foram apagadas. O breu proporcionou, mesmo que por segundos, um show à parte – nos céus daquela primeira sexta-feira de março, as estrelas cintilavam em volta da Lua cheia, linda e redonda. E da escuridão total fez-se a luz. Nos 35 minutos seguintes o público se emocionou e se debruçou em lágrimas com o curta-metragem, que contou com a participação de atores locais, sobre a história mais conhecida e comentada pelos cristãos – vida, Paixão e morte de Jesus Cristo.



Sentada nas primeiras cadeiras estava a aposentada Maria Ângela Dorella Linhares, de 75 anos. Ela e outros 18 integrantes da família acompanharam todo o desenrolar da trama da quinta edição da Páscoa Iluminada. “Fiquei emocionada com as projeções. A fachada principal do Hotel Tauá se transformou em um magnífico cenário, com aplicação de técnica com fantásticos efeitos especiais de luz e cores. Uma refinada apresentação dos atores. Nunca tinha visto nada igual. Apaixonante.”

Carlos Altman/EM
Mandala no grande salão das termas, com seus vitrais, encantam os turistas que vistam o local (foto: Carlos Altman/EM)

Realizado pela Rede Tauá de Resorts e pelo Ministério do Turismo (Mtur), um dos maiores eventos temáticos em comemoração à data religiosa no Brasil pretende, este ano, atrair um público em torno de 30 mil pessoas. Por meio de imagens projetadas na fachada do Grande Hotel, o evento turístico vai oferecer dois grandes espetáculos gratuitos para os hóspedes: Jesus: Paixão, vida e luz, um fantástico musical de luzes e fogos contando os principais momentos da Paixão de Cristo, tendo o castelo como magnífico cenário. Tecnologia de projeção mapeada, música e muita emoção; e Do caos ao Cosmos, outro espetacular musical intercalado com lindas imagens em uma enorme cortina d’água no lago do hotel. Um show que narra a jornada do homem entre as eras e discute os elementos fundamentais da natureza e o homem em busca da paz e da harmonia. “Nenhum hotel do grupo tem a pegada que Araxá tem. Essa beleza é mágica, o espetáculo foi pensado exclusivamente para este cenário. A Páscoa Iluminada é aberta a todos, não somente aos hóspedes, mas aos moradores de Araxá e da região”, define a diretora comercial e de marketing da Rede Tauá de Hotéis, Lizete Ribeiro.

O CASTELO

 

Carlos Altman/EM
Complexo Grande Hotel abrange o castelo, o parque e as termas com seus banhos relaxantes (foto: Carlos Altman/EM)

 

Localizada a cerca de 370 quilômetros de Belo Horizonte, Araxá é muito mais do que a cidade onde viveu dona Beja. A cidade se orgulha do Grande Hotel e Termas de Araxá, construção em estilo colonial iniciada em 1938, cujas dimensões também chamam a atenção: são nove pisos e aproximadamente 27 metros de altura, do térreo ao sótão da fachada principal. É um dos pontos turísticos principais do Circuito das Águas de Minas Gerais. Localizado no Parque do Barreiro, o hotel foi construído durante a Segunda Guerra Mundial e inaugurado em 1944 pelo então presidente Getulio Vargas e pelo então governador mineiro Benedito Valadares. Seus grandes salões, finamente decorados, remetem ao passado colonial brasileiro e convidam ao relaxamento. Foi projetado pelo arquiteto Luiz Signorelli e seus jardins são assinados pelo pintor e paisagista Roberto Burle Marx. Hoje, é conhecido por ser o maior spa de águas sulfurosas e radioativas do Brasil e pela lama negra, usada para fins medicinais.

 

Carlos Altman/EM
Doces Joaninha é tradição em toda região (foto: Carlos Altman/EM)

Araxá também é conhecida por seus doces tradicionais. Fabricados com doce de leite e frutas da região, os doces atraem turistas. Com uma pequena linha de fabricação no Centro da cidade, a loja Dona Joaninha abre suas portas para que seus clientes conheçam suas instalações e vejam de perto como são feitos os doces.

•Beleza eterna

Carlos Altman/EM
Pra quem animar, é possével praticar Stand Up Paddle do lago do complexo do Barreiro (foto: Carlos Altman/EM)


A cortesã dona Beja foi personalidade influente na cidade no século 19. Conhecida por sua beleza, Ana Jacinta de São José era apaixonada por um fazendeiro da região, mas foi raptada, ainda jovem, por um ouvidor do rei dom João VI, com quem foi obrigada a viver como amante durante dois anos, até que ele voltou para Portugal.
Carlos Altman/EM
Piscina com águas sulfurosas do Termas (foto: Carlos Altman/EM)

Dona Beja ficou e precisou enfrentar o preconceito da conservadora sociedade mineira, que a via como uma mulher perigosa e sedutora. Para se vingar de todos, construiu um bordel na cidade e colocou o nome de Chácara do Jatobá. Lá, ela escolhia os homens casados com quem pretendia dormir em troca de joias, favores e dinheiro. Com isso, arrematou fortunas e alimentou a lenda sobre uma fonte milagrosa de águas termais e lama negra, que seria o motivo de sua beleza estonteante.

A cortesã dá nome a um museu, localizado no Centro de Araxá, a uma fonte de águas termais, localizada dentro do Grande Hotel de Araxá, e a uma cachaça típica da região.

* O jornalista viajou a convite do Grande Hotel de Araxá

 

SERVIÇO

Páscoa Iluminada Araxá
»  Quando: até 8 de abril
»  Valor da hospedagem: R$ 4.182 (apartamento superior, pensão completa, bebidas à parte)
»  Os valores dos pacotes consideram as três noites do feriado da semana santa (29 de março a 1º de abril), para dois adultos, com pensão completa. Gratuidade para duas crianças de até 8 anos (com a doação do ovo de Páscoa nº 15, a idade sobe para 12 anos).
»  Mais informações: www.pascoailuminada.com.br
»  Reservas: (34) 3669-7020 ou no www.taua.com.br