Visitar o Vale do Café, no Rio de Janeiro é uma viagem no tempo

Fazendas históricas do estado fluminense reservam o melhor do turismo colonial para os turistas

por Carlos Altman 05/12/2017 07:00

Marta Bertino /Divulgação
Fundada no início do século 19, a Fazenda São Roque, em Vassouras, foi recentemente restaurada, mas mantém atrativos da época (foto: Marta Bertino /Divulgação)
 

No interior do Rio de Janeiro, a região do Vale do Café oferece belezas naturais, construções históricas e hotéis e fazendas para lazer e descanso nos municípios de Vassouras, Valença, Paulo de Frontin e Rio das Flores. Distante 380 quilômetros de Belo Horizonte, a região é um dos melhores destinos de turismo rural do Brasil. Além de conhecer alambiques e ter contato direto com a mata atlântica recuperada. Entre as hospedagens estão fazendas centenárias, que mesclam beleza, lazer e história. A Fazenda União, que faz parte do Roteiros de Charme, oferece hospedagem com requinte, bom gosto e apreço pelos detalhes. Localizada no município de Rio das Flores, não há quem não se encante com uma das maiores coleções de objetos do império e itens de arte. À noite, a apresentação de jongo e capoeira toma conta do gramado, e o serviço de brunch ou jantar à luz de velas revela os sabores de uma das melhores cozinhas da região. Já a Fazenda São Roque é histórica, na região de Vassouras, totalmente reformada com foco em eventos sociais e empresariais. A melhor pedida é visitar a São Roque em dias de festa: os salões e os cômodos decorados com móveis de época são cenário para saraus e apresentações de canto lírico, sempre acompanhados pelo piano. Localizada em Barra do Piraí, a Fazenda Alliança oferece a vivência Dia na Fazenda, durante os meses de dezembro e janeiro. A visita, que precisa de um mínimo de seis pessoas, tem início às 10h30, com lanchinho receptivo que inclui bolo, café, leite e queijo de búfala (a única do estado com produção certificada). No almoço, cardápio 100% orgânico, com carne de búfala ou de carneiro, saladas, legumes e quiches,  e, para sobremesa, o requisitado cheese cake de búfala com calda de jabuticaba. Às 16h, os convidados se despedem com um brinde na horta orgânica.


Marcelo Isola/Divulgação
Apresentação de jongo e capoeira toma conta do gramado da Fazenda União (foto: Marcelo Isola/Divulgação)


UM DIA NA FAZENDA 

Vale do Café/Divulgação
Beleza arquitetônica da Fazenda Aliança é um convite para amantes da história e da gastronomia (foto: Vale do Café/Divulgação )
No município de Rio das Flores está a mais autêntica fazenda do Vale do Café, a Fazenda do Paraíso, que oferece tour guiado pela casa sede, construída em 1845. A bela fachada já ilustrou uma série de produções, como as novelas Além do tempo, o filme Através da sombra e, recentemente, a 3ª temporada da série 1 contra todos, do canal FOX. Na antiga tulha, onde está um dos mais antigos maquinários de café da região, é servido lanche preparado em fogão a lenha, inspirado em receitas seculares, garantindo a atmosfera rural à visita. O jardim Uaná Etê, em Paulo de Frontin, é uma experiência à parte. As atrações permanentes fazem desse jardim um lugar diferente. O turista se deslumbra entre o bosque dos sinos e o labirinto da música, único no mundo. E o gramado mais charmoso de Valença é, certamente, o da Fazenda Vista Alegre, com palmeiras imperiais e estátuas de porcelana do porto dispostas ao longo da extensa área verde. Os visitantes são recepcionados pelos proprietários da casa, que contam cada particularidade da antiga construção de 1852, que pertenceu ao visconde de Pimentel. Em 27 de janeiro, a Vista Alegre realiza o Sabor de Fazenda, evento que terá participação do chef Marco Frossard, oferecendo o melhor da cozinha rústica brasileira. Não deixe de fazer uma visita ao alambique da Cachaça Werneck, produzida em Rio das Flores, onde será possível acompanhar todo o processo de produção da bebida. 

Vale do café/Divulgação
A Fazenda Paraíso serviu de cenário para algumas novelas e filmes (foto: Vale do café/Divulgação)