Morto no sábado, Domingos Oliveira ganha homenagem em BH na peça 'PI'

Montagem com Cláudia Abreu e Leandra Leal terá última apresentação neste domingo (24), no Sesc Palladium

por Helvécio Carlos 24/03/2019 13:22
João Caldas/Divulgação
(foto: João Caldas/Divulgação)
Morto no sábado (23), aos 82 anos, o dramaturgo, ator e diretor Domingos Oliveira recebeu homenagem emocionada em Belo Horizonte do elenco  do espetáculo PI - Panorâmica insana. Durante apresentação na noite de ontem, seu nome dele foi lembrado pelos atores Claudia Abreu, Leandra Leal, Luis Enrique Nogueira e Rodrigo Pandolfo. O público aplaudiu de pé. 

Após a sessão no Sesc Palladium, a plateia participou de bate papo com os atores. Rodolfo Pandolfo lembrou o início do projeto criativo e a importância da participação de Bia Lessa, diretora da montagem. "Ela chegou por último e nos trouxe propostas bem próximas a performance", disse, lembrando que "de cabo a rabo, ma sala de ensaios, a peça foi construída por improvisações".

Luiz Enrique Nogueira disse que, de certa forma, PI dialoga com Nós e outros trabalhos mais recentes do Grupo Galpão. "Temos de fazer um teatro de resistência", afirmou. "O palco é  lugar de voz", ressaltou Claudia Abreu. PI terá uma última apresentação neste domingo, às 19h.
 
PI – PANORÂMICA INSANA
Direção de Bia Lessa. Com Cláudia Abreu, Leandra Leal, Luiz Henrique Nogueira e Rodrigo Pandolfo. Domingo (24), às 19h, no Sesc Palladium, Rua Rio de Janeiro, 1.046, Centro, (31) 3270-8100. Ingressos: Plateia 1 – R$ 80 e R$ 40 (meia); Plateia 2 – R$ 70 e R$ 35 (meia); Plateia 3 – R$ 50 e R$ 25 (meia). Vendas na bilheteria e no www.ingressorapido.com.br
 
Cláudia Abreu fala sobre PI
 

MAIS SOBRE TEATRO