CCBB recebe Festival Internacional de Teatro em Miniatura

Artistas do Brasil e do exterior se apresentam com bonecos que não ultrapassam 10cm

por Cecília Emiliana 16/09/2017 08:00
Lais Petra/Divulgação
Gabriela Cépedes e o minúsculo Bladimir: uma das atrações do Festim (foto: Lais Petra/Divulgação)
Os hermanos não são mestres apenas do tango. Hoje à tarde, quem for ao CCBB vai se surpreender com a sutileza da “dramaturgia para pequeninos” produzida pelos argentinos, que participam do Festival Internacional de Teatro em Miniatura (Festim).

Ao lado do Brasil e do México, a Argentina desenvolve trabalho singular nessa delicada modalidade cênica que utiliza bonecos, objetos e sombras em pequenos formatos. “Para esta edição do Festim, recebemos 140 inscrições de peças brasileiras e do exterior. Decidimos privilegiar os argentinos como forma de valorizar e reconhecer a expertise deles”, explica Thiago Almeida, curador do evento.

O grupo Gabriela Clavo y Canela veio de Mendoza para apresentar Bladimir. Exibida dentro de uma caixa para um espectador por vez, a montagem se dá com bonecos que não ultrapassam 10cm. O microcenário mimoso é composto por caixões e quadros antigos. Com apenas dois minutos, o enredo narra as peripécias do Conde Drácula Bladimir, vampiro que se esforça para assustar, mas só consegue ser engraçado.

De acordo com a atriz e bonequeira Gabriela Cépedes, a dramaturgia para teatro em miniatura é mais trabalhosa do que se pode imaginar. “Não é fácil, requer um processo grande de pesquisa, experimentação e sintetização. Mas a encenação de narrativas em tempo tão reduzido prova o poder de síntese da arte com bonecos”, diz.

Sem texto falado, Bladimir não exige traduções do espanhol. “No Festim, de qualquer forma, todos os espetáculos estrangeiros com falas são encenados em português”, explica Thiago Almeida.

Vincent, espetáculo lambe-lambe de Andreia Baamonde, é outra atração hermana do festival. Inspirada na tela Quarto em Arlés, do pintor holandês Vincent Van Gogh, a história tem três minutos.

Cuenta ovejitas, do grupo cordobês Piedra Libre, e Circo em miniatura, da Cia. Umami, completam a programação. A primeira tem como protagonista um jovem que tenta dormir, apesar de episódios irritantes atrapalharem seu sono. A segunda recupera o universo circense.

FESTIM
Bladimir, da Cia. Gabriela Clavo y Canela; Circo em miniatura, da Cia. Umami; Cuenta ovejitas, da Cia. Piedra Libre; e Vincent, de Andrea Baamonde. Sábado (16/9), das 14h às 20h, no CCBB (Praça da Liberdade, 450, Funcionários). Domingo (17/9), das 10h às 14h, no Parque das Mangabeiras (Av. José do Patrocínio Pontes, 580, Mangabeiras). Sessões para um espectador de cada vez. Entrada franca. Ingressos devem ser retirados uma hora antes do início do espetáculo. Informações: https://festim.art.br/

['__class__', '__cmp__', '__contains__', '__delattr__', '__delitem__', '__dict__', '__doc__', '__eq__', '__format__', '__ge__', '__getattribute__', '__getitem__', '__gt__', '__hash__', '__init__', '__iter__', '__le__', '__len__', '__lt__', '__module__', '__ne__', '__new__', '__reduce__', '__reduce_ex__', '__repr__', '__setattr__', '__setitem__', '__sizeof__', '__str__', '__subclasshook__', '__weakref__', 'clear', 'copy', 'fromkeys', 'get', 'has_key', 'items', 'iteritems', 'iterkeys', 'itervalues', 'keys', 'pop', 'popitem', 'request', 'setdefault', 'update', 'values', 'viewitems', 'viewkeys', 'viewvalues']