Conheça as vantagens da cirurgia plástica no outono e inverno

Recuperação completa até o verão, férias do meio do ano e temperaturas mais baixas, que ajudam a esconder cicatrizes e curativos são benefícios desse período

Pexels
(foto: Pexels)

Com a chegada do outono e da diminuicão do calor, o número de cirurgias plásticas e corretivas aumenta em até 50%, em algumas cidades do Brasil. Além da temperatura mais baixa, esse grande crescimento se dá por conta de outros três motivos:

- a possibilidade de uma recuperação completa até a chegada do verão;
- época de férias;
- a “cultura” do brasileiro em realizar esses procedimentos em julho, dezembro e janeiro. 

Com o clima mais ameno, fica menos incômodo utilizar acessórios necessários no pós-operatório, como ataduras e cintas. Além disso, por estar mais frio, é mais fácil e confortável esconder as cicatrizes e os curativos.

Inchaços e sangramentos também podem ser amenizados com as temperaturas mais baixas, pois o calor favorece a dilatação dos vasos sanguíneos e a retenção de líquidos. A estação também é mais propícia ao repouso, que é recomendável para que o paciente se recupere.

Optar por fazer uma cirurgia plástica entre o outono e o inverno também dará tempo hábil para que os resultados do procedimento apareçam até o verão, período em que as pessoas mais ostentam seus corpos.

Grande parte das cirurgias exige, em média, 30 dias de recuperação. Porém, para estar livre para qualquer esforço físico e completamente disposto para qq atividade, é preciso, no mínimo, três meses. A exposição solar é outro fator importante, facilitando uma menor exposição nestes meses menos ensolarados. 

Além disso, os meses de junho e julho coincidem com o período de férias escolares, o que torna a época ideal para cirurgias como a otoplastia ou correção do desvio do septo, procedimentos também comuns em alguns jovens. Para quem pretende fazer alguma dessas cirurgias, a dica é marcar o procedimento antecipadamente e adiantar todos os exames médicos e cuidados pré operatórios. 
 
Apesar das diversas vantagens dessa época do ano para as cirurgias plásticas, nada impede que esses procedimentos sejam realizados em outras estações. O importante é passar por um acompanhamento médico e seguir à risca todas as orientações dos profissionais da saúde e ter o tempo necessário no pós-operatório para comparecer aos retornos e seguir as orientações necessárias. 
 
Sabe-se que o mundo enfrenta uma grande crise, por conta do coronavírus. Diante disso, a população foi orientada pelos órgãos de saúde a ficar em casa, de quarentena, para evitar a propagação da doença. Entretanto, esse período de reclusão pode ser utilizado para planejar os próximos meses, informar-se mais sobre seus projetos, para colocá-los em prática quando tudo se normalizar.

Isso vai passar em breve e os sonhos não podem estacionar. Deste modo, convido todos a entrar no site da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica, entender a importância da entidade e de optar por um profissional filiado, antes de fazer qualquer procedimento. Orientamos também a checar se o médico tem cadastro ativo no Conselho Regional de Medicina (CRM) do seu estado e seu respectivo RQE na especialidade Cirurgia Plastica. Isso fará toda a diferença.
 
Se você tem dúvidas ou sugestão de temas, mande para alexandremeira@gmail.com 

Erro ao renderizar o portlet: 0000 - Main - Vitrine

Erro: