Fondue de frango com quiabo

09/06/2017 09:20
 Jackson Romanelli/EM
Jackson Romanelli/EM

Ingredientes:

- 200 g de fubá
- 500 ml de água
- 200 ml de caldo de frango industrializado ou, se preferir, feito em casa
- 300 g de peito de frango cozido e picado em cubos
- 50 g de manteiga
- 200 g de quiabos limpos e cortados em pedaços de 2 cm
- 3 dentes de alho picados
- Sal e pimenta-do-reino a gosto
- 600 ml de óleo

Restaurantes:


Barbacena
- Cantina Mineira(32) 3331-1313
- Restaurante Sal da Terra(32) 3333-2240
- Pizzaria Real(32) 3333-1791
- Restaurante Fogão a Lenha(32) 3332-4200
- Picanhas Grill(32) 3331-2948
- Churrasqueirae Cia(32) 3332-2666

Como fazer Fondue de frango com quiabo:

Temperar os cubos de frango com sal, pimenta e alho picado e deixar descansar por 15 minutos. Aquecer a manteiga e refogar o frango, até dourar. Aquecer o óleo e fritar o quiabo, apenas para dar um choque. Levar ao fogo a água e o caldo de frango, com a pimenta e o sal. Quando começar a ferver, pôr o fubá, dissolvido em água fria. Mexer até engrossar, mas não muito. O ponto é de angu mais mole. Despejar em uma panela própria para fondue, com o fogareiro aceso.

Espetar um cubo de frango com o quiabo e mergulhar no angu para servir. Pode ser acompanhado por mostarda, catchup, molho de soja, pimenta e cheiro-verde, servidos em recipientes separados.

Lição nota dez

Os sabores e aromas desta viagem pelas cozinhas de Barbacena encantam cada vez mais os sentidos dos viajantes. Frutos trazidos de fora e cultivados nestas terras, paladares que atravessam o oceano até chegar às mesas e, agora, o sabor inigualável de iguarias consumidas frescas dão o tom de nossa passagem. Estamos no distrito de Senhora das Dores, lugarejo escolhido pelo casal Regina e Helton Cobucci para iniciar o cultivo dos famosos cogumelos de paris.

Ingrediente de destaque em muitas receitas, o cogumelo, ou champignon, é produzido pelo casal há uma década. A gente tinha vontade de cultivar algo que não fosse tão vulnerável às condições climáticas. O Helton, que é agrônomo, começou a pesquisar os cogumelos. Vimos que era possível investir e hoje já pensamos em ampliar para outras variedades, conta Regina. Na fazenda do casal, o produto é cultivado em estufa, seguindo rígidos padrões de qualidade.

Até a água tem que receber tratamento especial, explica Helton. Além de comercializar, o casal e os dois filhos pequenos são grandes apreciadores da iguaria, que nunca falta em casa. Colhidos na hora, os cogumelos são usados em receitas dignas de aplausos. Mais um capítulo da viagem para marcar o paladar.

Receita fornecida por Edson Puiati, de Barbacena: (32) 8778-0869