Casadinho do sheik

12/05/2017 09:10
 Marcos Michelin/EM
Marcos Michelin/EM

Ingredientes:

- 1 kg carne bovina(patinho) moída
- 2 pães dormidos, sem casca, molhados
- 1 colher (sopa) de sal
- 3 colheres (sopa) decebola picada
- 7 dentes de alho amassados
- 1 colher (café) depimenta-calabresa
- 1 colher (café) depimenta-do-reino
- 1 colher (café) de pimenta-árabeSalsinha picada a gosto
- 6 berinjelas, não muito grossas, sem cascas e cortadas emrodelas bem finas
- 400 g de muçarela, cortada em lascas bem finas e com o comprimento aproximadode 3 centímetros
- 400 g tomate seco com manjericão picadinhoFarinha de rosca
- 4 ovos batidos

Assada

- Para quem não quer sair de casa para matar afome, uma das melhores pedidas em Ipatinga é a batata recheada preparada por HelianeAzevedo. Elaboradas nos sabores camarão, frango e requeijão com bacon, as batatas, alémde saciar o apetite, são extremamente saborosas. Contato:(31) 3823-8800.

Como fazer Casadinho do sheik:

Amassar a carne com a cebola, o sal, as pimentas, o alho e os pães. Pôr uma rodela de berinjela em uma superfície lisa. Sobre a berinjela, pôr uma pequena porção de carne. Por cima, acrescentar meia colher (sopa) de queijo e o mesmo tanto de tomate seco. Com os dedos, envolver esses ingredientes na carne. Cobrir com mais uma porção de patinho moído e, por fim, mais uma rodela de berinjela. Prensar com a mão.

Passar o casadinho nos ovos batidos, na farinha de rosca, novamente nos ovos e mais uma vez na farinha. Fritar, em óleo bem quente, em quantidade suficiente para cobrir. Repetir o processo fazendo casadinhos até que acabe a carne.

Misturas das arábias

De Naque, os viajantes põem de novo o pé na estrada para chegar à estrela do Vale do Aço, a cidade de Ipatinga, a 217 quilômetros da capital. Com seus mais de 200 mil habitantes, o município é um verdadeiro caldeirão de costumes e sabores. E nele, claro, há espaço para influências gastronômicas quem vêm de longe. É o caso do restaurante Arábia, endereço certo para os apreciadores das delícias do oriente.

Além dos tradicionais quibes, tabule, pastas de grão de bico e berinjela, o cardápio oferece algumas invenções que em muito se assemelham às iguarias de nossa terra. O casadinho do sheik, uma espécie de bolinho de carne com temperos árabes, é uma delas. "Fizemos mudanças no cardápio, acrescentando receitas ocidentais acompanhadas de um toque árabe", conta o dono do restaurante, Orlando Junior Calazans, descendente de libaneses.

No novo cardápio, a batata frita ganhou uma pimenta diferente e a esfirra se apresenta com recheios parecidos com os de pizza. Sem perder a essência, a cultura se reinventa nesse rico espaço que é a cozinha.

Receita fornecida por Orlando Calazans Junior, de Ipatinga: (31) 3824-7537