Bolo de jujubas

01/07/2008 08:50

Ingredientes:

Para a massa

- 2 copos (tipo americano) de açúcar refinado
- 90 g de margarina
- 3 gemas
- 1 copo (americano) de leite
- 2 copos (americano) de farinha de trigo
- 1 colher (sobremesa) de fermento
- 3 claras em neve

Para os recheios

- 3 latas de leite condensado (metade para cada recheio)
- 2 latas (de leite condensado) de leite
- 4 gemas
- 20 g de margarina Meia caixa de morangos picados
- 3 colheres (sopa) de chocolate em pó

Para a cobertura

- 1 copo (americano) de açúcar refinado
- 3 claras
- Meio copo de água
- Jujubas coloridas

Material

- 2 formas redondas de
- 25 centímetros de diâmetro

Pioneira

:

- A cerveja Barbante foi a primeira de Juiz de Fora, criada pelo alemão Sebastião Kunz, em 1861. Quase 120 anos depois, Pedro Peters, tataraneto de Kunz, retoma a produção artesanal. A bebida será vendida no mesmo casarão em que a produção teve início e que, agora, deu espaço a um charmoso bar. Contato: (32) 8418-0403

Como fazer Bolo de jujubas:

Na batedeira, bater a margarina com o açúcar. Pôr as gemas, o leite e, ao poucos, a farinha peneirada. Diminuir a velocidade e bater até a mistura ficar homogênea. Pôr as claras em neve, o fermento e misturar com uma colher. Em duas assadeiras redondas, untadas com manteiga e polvilhadas com farinha, dividir a massa e levar ao forno, na temperatura mínima, por uma hora e meia. Para o recheio, levar os ingredientes ao fogo (usar metade da medida para cada sabor e fazer o recheio de morango e o de chocolate separadamente).

Misturar até ver o fundo da panela. Acrescentar os morangos depois de obter o ponto. Desligar o fogo e reservar os recheios. Para a cobertura, fazer uma calda clara com o açúcar e a água, em ponto de fio; bater as claras em neve e, lentamente, acrescentar a calda. Bater em velocidade alta, até esfriar.

A montagem

Partir os dois bolos ao meio e rechear um com o recheio de morango e o outro com o de chocolate. Pode-se também fazer mais camadas. Pôr um sobre o outro e espalhar a cobertura. Decorar com balas jujuba.

Iguarias do olimpo

O que os deuses gregos têm a ver com tortas e bolos decorados? A antropóloga, doutora em ciências da religião, professora de ioga e doceira Juliana Magaldi achou uma relação entre a cozinha e a mitologia e criou a empresa Delícias dos Deuses. São 12 tipos de bolos, cada um com um nome de uma divindade, escolhido de acordo com os ingredientes de cada produto. “O bolo Afrodite é o que leva morangos”, conta Juliana, que prepara também outros tipos tortas e bolos, de sabores igualmente divinos, para festas.

Basta falar o motivo da comemoração e ela põe a criatividade para funcionar, sempre aliando sabor à beleza dos produtos. “Antes, eu usava mais a pasta americana para decorar os bolos, mas descobri que com marshmallow, que eu mesmo faço para a cobertura, consigo um efeito bonito e mais gostoso”, diz. Com tantas atividades, fica difícil imaginar como a jovem acha tempo para se dedicar ao preparo dos bolos.

Esse assunto até gera discordância com o marido. “Ele acha que eu deveria parar de fazer bolos e tortas para me dedicar mais aos estudos, mas não consigo parar, acho muito prazeroso”, afirma. Para ela, há até uma relação entre suas aptidões, como a ioga e a cozinha. “Os dois me relaxam.” Enquanto finaliza um bolo decorado com jujubas, recebe a ligação de uma amiga que está chegando da capital e quer encontrá-la.

Entra em cena mais uma faceta de Juliana, que com seus doces e conhecimentos consegue mandar para longe qualquer problema.

Receita fornecida por Juliana Alves Magaldi, de Juiz de Fora: (32) 3215-9294