Menino acorda do coma minutos antes de ter aparelhos desligados

Criança tinha tipo raro de câncer de pulmão e era mantida viva por aparelhos, mas acordou pouco após família decidir desligar máquinas

por Diário de Pernambuco 03/04/2018 16:12



Pouco tempo depois de decidir desligar os equipamentos que mantinham o filho vivo, um casal do condado de Derby, no Reino Unido, foi surpreendido com uma melhora repentina do quadro clínico do garoto que sofria de um tipo extremamente raro de câncer de pulmão. Dylan Askin foi diagnosticado com a doença no Natal de 2015 e levado às pressas para o hospital. A descrença numa melhora do quadro do garoto era tão grande, que a família decidiu batizar Dylan no Derby Royal Hospital, onde ele passava por tratamento, sem melhoras significativas. “Eu confiava que Dylan era o nosso milagre de páscoa”, afirmou a sua mãe, Kerry Askin, em entrevista veiculada jornal britânico Daily Mail.

Quando a equipe médica já se preparava para remover os equipamentos, na sexta-feira de páscoa, o garoto desafiou as expectativas e despertou subitamente, deixando toda a equipe médica perplexa. Em pouco tempo, o garoto começou a recuperar as forças até que seu quadro foi considerado estável. Passados exatos dois anos, ele pôde passar o domingo de páscoa junto à família, em casa. “Eu não sou tão religiosa, mas acho que foi um milagre. Quando contamos ao nosso filho mais velho, ele disse que só poderia ter sido Jesus”, contou  a mãe.

Motivados pela história do filho, os pais de Dylan agora apoiam uma campanha, a CLIC Sargent, instituição de caridade que ajuda jovens diagnosticados com câncer. Eles pedem ajuda a pessoas para a compra de itens para instituições de caridade. O gerente da CLIC Sargent comemorou a melhora súbita do garoto. “Dylan é um menino adorável e estamos muito felizes em saber do seu progresso”, contou.

VÍDEOS RECOMENDADOS