Cancelados pelos sertanejos, listamos 5 motivos que fazem o Brasil amar Chrystian e Ralf

Enterhits 17/05/2021 10:00
Tempo de leitura: 2 minutos

Chrystian e Ralf mudaram a história da música sertaneja e fizeram o gênero quebrar preconceitos no mercado, o que fez o Brasil amá-los até hoje

Apesar de sua fama e experiência gigantesca, Chrystian e Ralf está sendo cancelada por outros sertanejos como Sorocaba e Zé Neto, que relataram histórias envolvendo a dupla sertaneja e geraram polêmica na internet. Apesar de ser temperamental, a dupla não respondeu aos questionamentos.

Agora, após tantas polêmicas na internet, que se intensificaram após a história de que Chrystian e Ralf teriam se recusado a gravar um tema de novela, os especialistas em música Enio Silvério e Reinaldo Barriga, que são grandes fãs de sertanejo e apresentam o podcast EnterHits, listaram 5 motivos para aclamar a dupla sertaneja. Clique aqui para ouvir.

Para os especialistas, a música sertaneja só tem essa dimensão nos dias atuais por causa do trabalho duro e influência de Chrystian e Ralf. Por mais que não tenham grande apelo como outras da época raiz do sertanejo, os cantores moldaram a forma do gênero e conseguiram levar a música goiana para os quatro cantos do Brasil, que agora se estende ao mundo.

Assuntos Relacionados

Confira o vídeo com os 5 motivos:

Sobre Enio Silvério: Radialista e comunicador desde os 17 anos. Dirigiu as maiores emissoras de rádio do Brasil, como a Transamérica, em Curitiba, Rádio 100 (CE), Rádio Cidade (RJ), Rádio Cidade (BA) a Rádio Cidade (SP) e Tupi FM (SP) que se tornaram líderes absolutas de audiência sob sua direção. Foi o responsável direto para o sucesso em todo o país dos segmentos Axé Music e Sertanejo Universitário.

Sobre Reinaldo Barriga: Um dos maiores compositores, músicos e produtores musicais do Brasil. Já assinou trabalhos de grandes artistas como Capital Inicial, Engenheiros do Hawaii, Lulu Santos, Nenhum de Nós, Camisa de Vênus, Chrystian e Ralf e recebeu dois Grammys Latino pela sua produção dos álbuns "Vida Marvada" e "Grandes Clássicos Sertanejos acústico II" da dupla Chitãozinho e Xororó.

Dupla sertaneja causou confusão com tema de novela

None
(Foto: Reprodução Internet)

Em um dos trechos de um episódio passado do podcast, Reinaldo Barriga contou uma experiência que teve com a dupla sertaneja na gravação da música "Minha Gioconda", que teve participação do cantor Agnaldo Rayol e fez parte da trilha sonora da novela "Rei do Gado". Segundo os apresentadores, Ralf, na época, fez uma grosseria com Agnaldo:

"Ele me fez passar por uma saia justa com o diretor da gravadora Warner e chegou ao ponto de dizer pro diretor que não queria levantar defunto. Aquilo me deixou muito chocado, e eu falei Não Ralf, você está diante do maior cantor brasileiro. A situação foi contornada depois, mas foi muito deselegante, e o Ralf é desse jeito mesmo", conta Reinaldo.

Ouça o episódio completo:

Apesar das confusões de Chrystian e Ralf com outros artistas, Ênio e Reinaldo ressaltam que a dupla sertaneja nunca foi desrespeitosa com seus fãs e, inclusive para conquistá-los, tem que "sambar muito".

MAIS SOBRE MUSICA/HITS