Show no Coachella reafirma título de Beyoncé de melhor artista atual

Depois de performance no festival no último sábado, o mundo caiu novamente aos pés da cantora. Confira sete motivos que explicam o sucesso da cantora

por Correio Braziliense 16/04/2018 15:22
Reprodução/Internet
A cantora deveria ter realizado o show no festival em 2017, mas retornou em 2018 com uma performance incrível (foto: Reprodução/Internet)
No último sábado (14/4), a cantora Beyoncé deixou a todos de queixo caído. A performance da artista no festival Coachella, na Califórnia, emocionou fãs, conquistou colegas de profissão e fez a crítica especializada rasgar elogios a cantora. Depois da apresentação, o talento da artista, que estava afastada dos holofotes desde o nascimento dos gêmeos, voltou a ser revenciado.

A apresentação de Beyoncé foi apontada como a melhor dos últimos tempos. A cantora, que se tornou na primeira mulher negra a ser atração principal do festival, estará de volta ao palco no próximo sábado, 21 de abril. Provavelmente se tornando assunto de novo. O UAI elaborou uma lista para explicar os motivos de Beyoncé ser considerada a maior artista da atual geração do pop.

1) A performance

As performances de Beyoncé são sempre de tirar o fôlego. Tirando proveito de tecnologias atuais e boas ideias, a cantora surpreende com boas coreografias, figurinos, cenários grandiosos e, principalmente, com a presença de palco. 

Isto é, mesmo que não tenha ninguém com ela, Queen B dá conta de agitar o público sozinha. Além disso, o controle de respiração que a cantora tem faz com que ela cante e dance ao mesmo tempo, coisa para poucos de sua geração.

Veja um trecho da apresentação no Coachella: 
 
 

2) A voz

Dona de uma agressividade melosa, Beyoncé é uma mezzo soprano com uma voz forte e de controle preciso. Com influências de Tina Turner, Diana Ross, Whitney Houston, Janet Jackson, entre outros tantos ícones da música norte-americana e mundial, Beyoncé bebe de vários estilos musicais, sendo o seu berço o R&B. Outra característica da voz de Queen B é a rapidez com que fala as frases. Run the world (Girls) é um ótimo exemplo da agilidade nas palavras que a intérprete possui.

Beyoncé cantando Listen no programa de Oprah Winfrey
 
 

3) Carreira e prêmios

ROBYN BECK
A cantora já ganhou 22 Grammys durante a carreira (foto: ROBYN BECK)


Além de cantora e dançarina, Beyoncé é atriz, produtora e compositora. Na carreira tem 20 álbuns gravados, entre discos de estúdio e ao vivo, sendo os mais conhecidos B'Day, 4, Beyoncé e Lemonade. A cantora também é dona de 40 singles como Crazy in love, Déja vu, Halo, Drunk in love e Formation. De premiações, a cantora é recordista de Grammys com 22 prêmios e 63 indicações.

4) A questão feminista


 
Muitos criticam Beyoncé por se apropriar da questão feminista, já que a cantora nunca deixou de exibir o corpo durante a carreira. Porém, a luta por representatividade feminina está na discografia da cantora desde os tempos de Destiny's Child, grupo ao qual fez parte de 1997 a 2006. 

Com músicas como Survivor e Independent woman, a cantora sempre bateu na tecla do feminismo. Na carreira solo não foi diferente, uma das músicas com teor feminista mais lembrados é Flawless, onde há uma fala da autora feminista nigeriana Chimamanda Ngozi Adichie.

5) A representatividade negra

Sempre harmônica na trajetória profissional que possui, Beyoncé nunca negou sua cor de pele, apesar de várias pessoas reclamarem de como ela vem se apropriando da questão racial atualmente, já que ela é conhecida por pintar o cabelo de loiro, com traços finos e pelo mais clara. 

Entretanto, no último álbum Lemonade, Beyoncé foi agressiva ao tratar do racismo, sendo os singles Formation e Freedom os mais fortes contra o preconceito. Gerando também várias manifestações contrárias de parte da população norte-americana, já que a cantora falou da violência policial contra a população negra.
 
 
 
6) O outro lado da obra

Além de arrasar nos palcos, Beyoncé também é atriz e já fez parte de filmes como Dreamgirls, A pantera cor-de-rosa e Cadillac Records. Por Dreamgirls, a cantora teve duas indicações no Globo de Ouro, como melhor atriz em comédia ou musical, pela personagem Deena Jones, e melhor canção original com a música Listen.
 
Confira a atuação de Beyoncé no filme Dreamgirls
 
 

7) A Beyhive

Com mais de 20 anos de carreira, Beyoncé tem fãs de todas as idades e estilos. De famosos a pessoas comuns, a cantora conquistou um público enorme durante toda a trajetória de sucesso no mundo artístico. 

Os fãs da cantora, por exemplo, se intitulam a Beyhive (colmeia, em tradução livre) e declaram sempre o amor pela cantora. Como não podia deixar de ser diferente, a cantora retribue toda essa afetividade também em suas músicas como o single XO dedicado aos fãs durante a turnê do álbum Beyoncé.


 

 

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE MUSICA