Santa gula

por Eduardo Tristão Girão 06/04/2012 07:00
Pedro Motta/Esp.EM/D.A Press
Anderson Lambertucci, chef do Nutreal Al Mare, preparou caldeirada de frutos do mar (foto: Pedro Motta/Esp.EM/D.A Press)
Sexta-feira santa, para os cristãos, é dia de comer de bacalhau. Mas não precisa ser só isso. O “álibi de luxo” de quem evita as carnes vermelhas é, de fato, delicioso e muito tradicional, mas ofusca as muitas possibilidades envolvendo peixes e frutos do mar. Restaurantes de Belo Horizonte e cidades próximas estão aí para provar: opção é o que não falta, inclusive de bacalhau.

No Nutreal Al Mare, que fica no condomínio Lagoa do Miguelão, em Nova Lima, o menu degustação de ingredientes do mar é uma das apostas para a semana santa. Por R$ 98, cada pessoa come seis entradas variadas (podem ser com camarão, mexilhão, siri etc) e, para fechar, caldeirada espessa de frutos do mar ao vinho branco, cozida por oito horas em fogão a lenha – à parte, essa caldeirada sai por R$ 52 (individual). Entre as pedidas com bacalhau, destaca-se o aïoli (R$ 14), à base de berinjela, batata, azeite e alho.

Outra casa que não se limita ao bacalhau é o Alguidares, especializado em comida baiana. Uma das especialidades da casa é o peixe ao molho de maracujá (R$ 66,20, individual), mas não faltam opções como as moquecas de camarão (R$ 126,80, para duas pessoas), peixe com polvo (R$ 148,80, para duas pessoas) e peixe (R$ 99,80, para duas pessoas).

Por sua vez, o tradicional rodízio do Porcão terá, especialmente hoje, incremento de peixes. O chef Gladson Bezerra vai preparar receitas como salmão com alcaparras e maracujá, bacalhoada portuguesa, congro com aspargos e moqueca de camarões, além de opções de água doce, como a tilápia. O preço, R$ 87 (por pessoa), inclui as demais opções habituais de bufê e carnes.

Também na batalha para não perder freguesia durante a época da carne em baixa, a Parrilla Urbana reserva espaço especial em sua grelha para peixes variados. Especialmente para a temporada, criou o robalo com arroz Algarve (R$ 60), salmão ao molho de maracujá com purê de batata e espinafre (R$ 46), linguado ao molho de alcaparrões com fettuccine de palmito pupunha (R$ 46) e, para cumprir a tradição, bacalhau com batatas ao murro, salteadas com pancetta e ervas finas (R$ 78) – todos para uma pessoa.

Temporadas O chef Ivo Faria, do Restaurante Vecchio Sogno e da padaria Casa Infinita, aposta pesado no bacalhau em suas duas casas. Na primeira, promove até domingo a tradicional temporada desse peixe, com três entradas e sete pratos principais, a exemplo do risoto de bacalhau desfiado, com feijão fradinho, vegetais, taioba, couve e camarão empanado (R$ 68), e do bacalhau pochê ao molho de frutos do mar e amêndoas com torta de batata (R$ 84) – ambos individuais

Na padaria, o chef preparou de tudo um pouco com o peixe da semana santa: de pão folar recheado (R$ 44/kg) ao arroz de bacalhau (R$ 32, individual), passando por suflê (R$ 42, individual), pizza (R$ 59) e tagliatelle com o peixe (R$ 39, individual). O cardápio também será oferecido até domingo.
 
Onde ir 
 
-Alguidares
Rua Pium-í, 1.037, Anchieta. (31) 3221-8877.
- Casa Infinita Rua Ceará, 1.118, Funcionários. (31) 2531-3888.
-Nutreal Al Mare
BR-040, km 557, Condomínio Lagoa do Miguelão, portaria A, 4, Nova Lima. 
(31) 7816-0072.
- Parrilla Urbana
Rua Curitiba, 2.102, Lourdes. (31) 2512-0942.
- Porcão
Avenida Raja Gabaglia, 2.985, São Bento. (31) 3293-8787.
-Vecchio Sogno
Rua Martim de Carvalho, 75,
Santo Agostinho. (31) 3292-5251. 

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE GASTRONOMIA