Turistas aprendem os segredos da farofa de jiló com carne seca em Tiradentes

por Eduardo Tristão Girão 28/08/2010 17:43
Beto Magalhaes/EM/D.A Press
Turistas acompanham os passos da chef Nelsa Trombino: gastronomia ao alcance de todos (foto: Beto Magalhaes/EM/D.A Press)

Um dos principais nomes da gastronomia mineira no Brasil, a chef Nelsa Trombino, do restaurante belo-horizontino Xapuri, atraiu dezenas de pessoas ao Largo das Forras na tarde deste sábado, durante a 13ª edição do Festival de Cultura e Gastronomia de Tiradentes. O motivo? Sua farofa de jiló com carne seca. “Aqui na rua não dá para fazer pratos muitos complicados. Essa receita é muito fácil e qualquer pessoa pode fazê-la. Além do mais, adoro jiló e carne seca”, conta. De fato, o preparo não é complicado, mas tem lá suas particularidades, como o uso do azeite no lugar da banha de porco, o que ajuda a deixar o prato mais leve.

Mas talvez o ponto-chave da receita sejam os dois potinhos de vidro que Nelsa trouxe do restaurante: um com tempero de ervas e outro com molho de pimenta, ambos feitos segundo receita dela. "Uma das minhas filhas mora na França e sempre que vem me visitar leva para casa um pote do meu tempero. Ela disse que não consegue cozinhar sem ele", orgulha-se.

O repórter viajou a convite da organização do evento


Confira as imagens do Festival de Tiradentes

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE GASTRONOMIA