Pizzaria Antoine tem 40 sabores da redonda, massas e saladas

27/03/2009 07:00
Pedro David/Esp. EM/D. A Press
(foto: Pedro David/Esp. EM/D. A Press)

Região das mais tradicionais de Belo Horizonte, a Savassi tem ganhado poucos novos bares e restaurantes nos últimos anos, mesmo sendo considerada até hoje um dos principais polos de entretenimento da cidade. O volume de casas que abrem (e fecham) as portas nem se compara ao de bairros como Anchieta e Lourdes, para ficar nos exemplos mais conhecidos. Confirmando essa tendência de aberturas bissextas, a região ganhou recentemente uma pizzaria (tipo de estabelecimento raro por lá), batizada de Antoine. São cerca de 40 sabores da redonda, além de saladas, massas e vinhos, tudo servido em ambiente bonito e rústico.

O nome foi tomado da padaria ao lado, que, não por acaso, pertence à mesma família. O casal Antônio de Pádua Moreira e Rosangela Giffoni Eliazar Moreira está no ramo de padarias há 25 anos e chegou a ter quatro unidades da Forno d’Oro em Belo Horizonte – hoje só resta uma, no bairro Nova Floresta. Chegaram a abrir uma pizzaria com o mesmo nome na região, que funcionou de 2005 até janeiro deste ano. Em agosto passado, compraram a padaria Trigo da Terra, na esquina das ruas Alagoas e Cláudio Manoel, e iniciaram reformulação inspirada na rede de padarias francesa Paul (fundada em 1889) e que ainda não terminou.

“Nosso foco era o ponto da padaria, mas, no passado, o dono desses imóveis teve também uma lanchonete. Daí, pensamos em aproveitar o restante do espaço”, conta Rosangela, que comanda a pizzaria com uma das filhas, Cristiane. Já a padaria ficou a cargo do marido e da outra filha, Vívian. Com a ideia na cabeça, a mãe viajou para São Paulo para visitar pizzarias e ter referências. Na volta, procurou ajuda na Faculdade de Gastronomia da Estácio de Sá. Aconselhada pela professora de cozinha francesa Cláudia Porto, procurou o consultor gastronômico Hans Eberhard Aichinger e acabou contando com a ajuda dos dois para estruturar a casa, elaborar o cardápio e treinar a equipe.

O ambiente, que leva assinatura do arquiteto Fernando Dutra, é composto por três ambientes: maior e mais formal, com mesas quadradas e cadeiras mais confortáveis; área em frente ao forno a lenha (dá para acompanhar o trabalho dos pizzaiolos), menos formal e com cadeiras mais simples; e corredor com mesas redondas de mármore branco e cobertura de policarbonato. A reforma durou seis meses e alguns contratempos empurraram a data de inauguração de outubro para este mês. No total, a casa abriga cerca de 140 pessoas. “Apesar da nossa experiência com pizzaria, desta vez está sendo bem diferente”, diz Cristiane.

SAIS ESPECIAIS

As redondas tiveram massa e recheios desenvolvidos por Cristiane (que fez curso de pizza com o chef Carlos Chiari) e o pizzaiolo Robson de Souza, que acompanha a família Moreira há três anos e trabalhou com o colega italiano Carlo Zangrando quando este respondia pela Marília Pizzeria. “A ideia é, em vez de ter muita variedade de ingredientes, concentrar nas combinações entre eles. Afinal, se algo está no cardápio tem que ter sempre na casa”, sintetiza Hans. Entre os destaques, Piemonte (muçarela, tomate italiano, rúcula, carpaccio bovino e parmesão, R$ 36,90) e Ligure (muçarela, molho de tomate, pesto, tomate cereja e manjericão, R$ 29,90).

Na cozinha, quem manda é a chef Ana Carolina Miranda. De lá saem entradas, saladas, massas e sobremesas. Por incrível que pareça, chama a atenção a porção de batatas fritas (R$ 10,50): é servida com um dos quatro sais especiais (laranja, limão, canela e gengibre) produzidos na casa, à escolha do freguês. Outro prato que sobressai entre os demais é o nhoque de abóbora com alecrim, receita de Rosangela que chega à mesa dividindo espaço com carne-de-sol na manteiga (R$ 28,50, individual).

Na seção de sobremesas, merece destaque a porção de sorvete de limão-siciliano com morango (R$ 8,50), produzida com exclusividade pelo Easy Ice. A carta de vinhos, elaborada pelo enólogo Lisandro Neis (Enoteca Decanter) e o sommelier Alex Santos Figueiredo (vinícola Aurora), conta com 80 rótulos (entre R$ 25 e R$ 275).

ANTOINE
Rua Cláudio Manoel, 778, Savassi. (31) 2526-0608. Aberto diariamente, das 18h à meia-noite.

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE GASTRONOMIA