Azeites variados fazem a festa em diversas casas de BH

12/12/2008 07:00
Pedro Motta/Esp. EM/D.A Press
Fernanda Caldas, da Spazio d'Olivo, e Marcos Calmon, do Gomide, um dos primeiros restaurantes a trabalhar com carta de azeite (foto: Pedro Motta/Esp. EM/D.A Press)
A imagem da lata enrolada em guardanapo, acompanhada pelo saleiro e paliteiro, parece cada vez mais distante e obsoleta. Nos últimos anos, cada vez que se sai para comer fora em Belo Horizonte, descobre-se uma novidade em torno do azeite. Rótulos turcos, chilenos e israelenses (comenta-se que o óleo de oliva mineiro será comercializado em breve) já não impressionam tanto quanto antes. Para responder à demanda de um público cada vez mais exigente e dar conta da significativa diversidade de azeites disponível no mercado, casas da cidade passaram a trabalhar com cartas (como as de vinho, comentadas), degustações e oferta ampliada na mesa. Já existe até sobremesa feita com azeite.

Um dos primeiros restaurantes da capital mineira a trabalhar com carta de azeite, o Gomide incorporou o serviço à sua rotina no mês passado. “Vi isso pela primeira vez em setembro, durante viagem que fiz para Stellenbosch, na África do Sul”, conta Marcos Calmon, um dos proprietários da casa. Para montar a carta, ele contou com a assessoria de Fernanda Caldas, proprietária da Spazio d’Olivo, loja especializada em azeites aberta ano passado em Belo Horizonte. São 10 rótulos que contemplam produtores portugueses, espanhóis, italianos, chilenos e argentinos. Cada um chega à mesa numa leiteirinha, vendido em doses de 20ml, cujo preço varia entre R$ 2,15 e R$ 5,20.

Leia também:
Azeite com toque especial na Cantina Piacenza e Più Pizza


Pedro Motta/Esp. EM/D.A Press
O Outono 81 oferece degustação de azeites importados da Espanha, Chile, Portugal e Itália (foto: Pedro Motta/Esp. EM/D.A Press)
Além da oportunidade de experimentar azeites raros e/ou cujos preços de garrafa são elevados, as doses também dão ao freguês a possibilidade de finalizar o próprio prato do jeito que quiser, escolhendo rótulos em função do que está no prato, assim como se faz com vinhos. Importante: a regra “quanto menor a acidez do azeite, melhor” nem sempre é válida. “Azeite extravirgem tem no máximo 0,8% de acidez. Às vezes, é melhor escolher um com esse teor do que outro que tenha porcentagem muito mais baixa, pois há produtos químicos que zeram a acidez”, explica Fernanda.

Entre as sugestões da casa estão as costeletas de cordeiro com risoto ou massa (R$ 63, individual) acompanhadas por azeite italiano de pimenta (R$ 4,20, dose) e o linguine ao molho de tomate e ervas com camarões (R$ 69, individual) ao azeite espanhol feito só com azeitonas orgânicas da variedade arbequina (R$ 4,80, dose). De entrada, tartar de atum com wasabi (R$ 26, individual) e azeite italiano de limão-siciliano (R$ 4,20) e, para sobremesa, sorvete de coco regado com azeite de mexerica e limão-siciliano (R$ 16, individual). Dependendo da “prudência” de cada um, cada dose rende o suficiente para um prato individual e para experimentar na entrada ou couvert.

VÔO SABOROSO

Pedro Motta/Esp. EM/D.A Press
Costeletas de cordeiro com azeite de pimenta do Restaurante Gomide (foto: Pedro Motta/Esp. EM/D.A Press)
Outra nova modalidade de serviço na cidade é a degustação de azeites, que começou semana passada no espaço Outono 81, misto de importadora e bar de vinhos. Por R$ 35, cada pessoa experimenta quatro azeites, cada um servido com vinho de seu respectivo país de origem – acompanha cesta de pães da Bonomi. Atualmente, o flight (vôo) começa com o azeite espanhol Pons (vinho Salamandra, tempranillo, 2006), prossegue com o chileno Montevecchio (Aquitania, cabernet sauvignon, 2004) e o português Sardeiro (Vinha do Monte, Alentejo, 2005) e termina com o italiano Sapore d’Arte (Rosso de Montepulciano, Toscana, 2005).

ONDE IR

Gomide
Rua Tomaz Gonzaga, 189, Lourdes, (31) 3292-4928. Aberto de terça a sábado, das 18h30 à 1h; domingo, das 12h às 18h.

Outono 81
Rua Outono, 81, Sion, (31) 3227-3009. Aberto de terça a sexta, das 19h às 23h.

Piacenza
Rua Aimorés, 2.422, Lourdes, (31) 2515-6092. Aberto de terça a sábado, das 11h30 às 15h e das 19h à 0h.

Più Pizza
Rua Curitiba, 2.154, Lourdes, (31) 3335-1515. Aberto de segunda a sexta, das 18h ao último cliente; sábado, domingo e feriado, das 12h ao último cliente.

Spazio d’Olivo
Rua Fernandes Tourinho, 1.057, Lourdes. (31) 3282-3134. Aberto de segunda a sexta, das 9h às 21h; sábado, das 9h às 15h.

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE GASTRONOMIA