Pizzaria Tavola chega ao Belvedere com novas receitas e vinhos

12/12/2008 07:00
Pedro Motta/Esp EM/D.A Press
Com 120 lugares e ambiente sofisticado, a Tavola aposta em novo eixo gastronômico (foto: Pedro Motta/Esp EM/D.A Press)
A Tavola, mais nova pizzaria da cidade, não está em Lourdes, região onde foi desenvolvido na cidade o estilo de pizza com massa fina, atualmente representado por casas como Speciali, 68 La Pizzeria, Marília Pizzeria, Olegário e Più Pizza. É num imóvel estreito e com pé-direito alto, debaixo de um supermercado do Belvedere (região pobre, do ponto de vista gastronômico), que está instalada a casa. As redondas, de espessura fina, são assinadas pelo pizzaiolo italiano Carlo Zangrando, da 68 La Pizzeria. Outra especialidade são os vinhos: 403 rótulos expostos num mezanino de 20m.

Desde o início, Marco Malzone conta que a idéia era abrir uma pizzaria no bairro, que, à exceção do que oferece o BH Shopping, conta com poucas opções de bares e restaurantes (Hyoku, Krug Bier, Graciliano, Café do Divino e Pizzadere são alguns). “Recebi receptividade enorme dos vizinhos. Já morei no Belvedere e acho que o bairro vai crescer muito, mas é preciso melhorar o trânsito”, avalia.

A pizzaria tem 200m² de imóvel que é, predominantemente, ocupado por bufê infantil. A reforma levou cerca de um ano. A maioria dos 120 lugares estão distribuídos pelos dois ambientes do salão: um mais próximo do bar, com piso de cimento, mesas com tampo de mármore branco; e outro envolvido pela cozinha (à vista) e forno a lenha, com piso e mesas de madeira. Compridos sofás coletivos atendem mesas nos dois espaços. Quatro luminárias diferentes pontuam o teto, que praticamente não tem acabamento. A propósito, quem olhar para cima verá as escadas rolantes do supermercado.

Rampas na entrada dão acesso ao salão e ao mezanino, onde estão mesas e a comprida prateleira de vinhos, pintada de verde para que países e rótulos possam ser escritos com giz na superfície, como num quadro negro. A extensa carta de vinhos foi elaborada em parceria com as importadoras Decanter, Gusto/Fasano, Casa do Porto, Zahil/Rex Bibendi, Mistral e Cantu. “Tenho vendido cerca de 40 garrafas por dia. Que essa casa seja também um local de conveniência para comprar vinhos. Uso taxas fixas para os vinhos, e não percentuais, para incentivar o consumo de rótulos mais caros”, afirma. Os preços variam entre R$ 50 e R$ 1,8 mil (garrafa). Os sommeliers da casa são Arley e Edilson.

TAMANHO ÚNICO

A cozinha tem como chef Chico Gouveia, além dos pizzaiolos Genaro e Roque. A massa das pizzas da casa é a mesma da 68 La Pizzeria e do Vinicius. Todos os 27 sabores são preparados num único tamanho, 30cm. Entre os sabores de destaque, Curiosa (molho de tomate, camarão, rúcula e parmesão, R$ 48), Favorita (molho de tomate, muçarela de búfala, queijo fontina, cogumelos frescos salteados e basílico, R$ 37) e La Veronese (molho de tomate, muçarela de búfala, copa, endívia e basílico, R$ 37). Há, ainda, saladas, bruschettas, crostinos, paninos e calzones.

Criação do pizzaiolo Carlo Zangrando é o pazzo (R$ 30, individual): risoto do dia servido sobre fundo de parmesão, num panino aberto. Entradas contemplam sobretudo preparações e ingredientes gourmet, como porções de muçarela de búfala (R$ 23), corações de alcachofra (R$ 18), berinjela marinada (R$ 13), lulas ao azeite (R$ 23) e a popular massa de pizza com óregano e azeite (R$ 11). Entre as sobremesas, há predomínio de clássicos italianos, como zucotto (R$ 15) e tiramisù (R$ 16), além do esperado petit gâteau (R$ 16).

TAVOLA
Avenida Luiz Paulo Franco, 301, Belvedere. (31) 3226-9277. Aberto de segunda a sexta, das 17h ao último cliente; sábado e domingo, 16h ao último cliente.

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE GASTRONOMIA