Fome de saber

Para quem quer aprender receitas diferenciadas, chefs oferecem aulas abertas e gratuitas

08/08/2008 07:00
Gianni Villa/Divulgação
Patrick Gauthier, do Restaurante La Madeleine, da cidade de Sens, França, dá curso dia 17 (foto: Gianni Villa/Divulgação)
Para quem tem fome de conhecimento, esta edição do festival é um verdadeiro prato cheio. A programação de cursos inclui várias opções gratuitas e outras a, no máximo, R$ 35. Todos os chefs que comandam os festins darão aulas abertas ao público, o que representa uma oportunidade para que os que não puderem ir aos jantares conferirem um pouco do trabalho dessas estrelas do mundo gastronômico. Desta vez, todos os cursos serão promovidos no Largo da Rodoviária, onde foi montada a Cidade da Cultura e Gastronomia. Lá está o espaço gourmet da Universidade Estácio de Sá, que coordena essa parte do evento.

A primeira aula será de Bruno Albergaria, chef do Ouro Minas Palace Hotel, em Belo Horizonte. No sábado, dia 16, às 10h, ele ensinará a preparar codorna recheada com nozes e arroz negro ao molho périgueux – de graça. “Essa receita é da época da chegada da corte ao Brasil, quando se comia muita carne de caça. O arroz negro tem sabor amendoado e o molho périgueux é finalizado com manteiga de trufa, que é um ingrediente muito nobre”, explica Bruno.

Ano passado foi a primeira vez que ele participou do festival. “Essas aulas abertas ao público são muito interessantes. O pessoal, se envolve, faz perguntas. Essa troca é bem legal”, diz. No dia seguinte, também às 10h, será a vez das crianças. Thi Ziguibru, Irmãos Montanha e convidado especial, o chef Lautaro Parra, ministrarão curso infantil e também gratuito.

Sidney Lopes/EM/D.A Press %u2013 5/6/07
Bruno Albergaria, chef do Ouro Minas Palace Hotel, vai ensinar a preparar codorna (foto: Sidney Lopes/EM/D.A Press %u2013 5/6/07)
Outro destaque é a palestra da professora Deolinda Alice dos Santos, cujo tema é “Da culinária à gastronomia brasileira – Caminhos do século 19 ao século 21”. Ela abordará ingredientes e receitas no Brasil sob perspectiva histórica, passando pela utilização de utensílios domésticos, organização da cozinha e a influência dos imigrantes na composição do cardápio típico do país até chegar ao conceito de gastronomia e à sua função econômica atual. A entrada é franca.

OS CURSOS

DIA 16
Espaço Tiradentes

. 10h – Bruno Albergaria – Codorna recheada, arroz negro e molho périgueux (gratuito)
. 11h – Deolinda Alice dos Santos – Da culinária à gastronomia brasileira (gratuito)

Espaço Gourmet Estácio de Sá
. 12h – Juliana Bonomo –Culinária saudável (R$ 15)
. 14h – Dario Barrio – Receita do festim (R$ 35)
. 16h – Roberta Sudbrack –Receita do festim (R$ 35)

DIA 17
Espaço Tiradentes

. 10h – Thi Ziguibru, Irmãos Montanha e Lautaro Parra – Curso infantil (gratuito)

Espaço Gourmet Estácio de Sá
. 11h – Patrick Gauthier –Receita do festim (R$ 35)
. 13h – Christian Le Squer –Receita do festim (R$ 35)

DIA 23
Espaço Gourmet Estácio de Sá

. 10h – David Zisman – Real culinária tailandesa (R$ 15)
. 12h –Dolores Rezende –Tema a definir (R$ 15)
. 14h –Pierre Sauvaget – Receita do festim (R$ 35)
. 16h –Vittorio Seritelli – Receita do festim (R$ 35)

Espaço Tiradentes
. 11h – Deolinda Alice dos Santos – Da culinária à gastronomia brasileira (gratuito)

Pousada da Terra
. 11h – Flávio Botelho Passos – Curso-almoço de alimentação ecológica (R$ 80)

DIA 24
Espaço Tiradentes

. 10h – Fabrizio Giovanni Abbate – Galeto de Rei (gratuito)
. 12h – Virgílio Guimarães –Tema a definir (gratuito)

Espaço Gourmet Estácio de Sá
. 11h – Kazuto Matsusaka – Receita do festim (R$ 35)
. 13h – Benedetto Bartolotta – Receita do festim (R$ 35)

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE GASTRONOMIA