Morango é ingrediente de entradas criativas e pratos principais

05/08/2008 13:39
Beto Magalhaes/EM/D.A Press
Fred Rodrigues, chef do restaurante The art from Mars, finaliza sua receita de canapés com creme de grana padano (foto: Beto Magalhaes/EM/D.A Press )
Só a mão boa para temperos não é o bastante para fazer um bom cozinheiro. Também faz parte do ofício ficar atento aos ingredientes da estação e pesquisar novas maneiras de prepará-los. Como o morango está no auge da temporada, é só ficar de olho nas ofertas dos supermercados e sacolões para comprá-lo por preços bem em conta, às vezes pouco mais que R$ 1,50. Fruta versátil, é ideal para sobremesas que aliam a facilidade do preparo à sofisticação. Um exemplo? Experimente sobrepor camadas de morangos frescos bem maduros picados, suspiro desmanchado com a mão e creme chantilly batido na hora: prática e deliciosa, é uma sobremesa perfeita.

Para os que não têm medo de ousar, a dica é, no entanto, usar morangos na composição de receitas salgadas. “Pela sutileza e delicadeza, eles dão aos pratos um tom bem sofisticado”, diz Patrícia Crespo, do bufê Ótimo, formada em gastronomia pela Faculdade Estácio de Sá. “Sua acidez combina muito bem com carnes vermelhas como porco, vitelo e boi”, como comprova o lombo desfiado com barbecue de morango. Ao reduzi-lo, a pasta fica bem fácil combinar com outros ingredientes, tipo vinho branco ou espumante, aceto balsâmico e mel, para criar molhos supersaborosos e fáceis de fazer”.

Como este: “Leve uma cebola ralada, uma xícara de chá de vinho tinto seco, duas colheres de sopa de açúcar e duas outras de vinagre branco ao fogo e deixe reduzir à metade. Acrescente 12 morangos – sem as partes brancas, lavados, escorridos e passados no liqüidificador – e três colheres de sopa de um bom azeite e ferva novamente”, ensina. “Fica ótimo com carnes vermelhas grelhadas.”

A PEDIDO

Responsável pela cozinha contemporânea do Restaurante The art from Mars, o chef Fred Rodrigues desenvolveu duas entradinhas com morangos a pedido do caderno Feminino & Masculino, ambas de preparo simples e muito equilibradas. A primeira é um gazpacho, espécie de sopa fria originária da Galícia, na Península Ibérica, servido com queijo coalho frito; a outra, um canapé sofisticado de muito frescor.

O chef Leandro Pimenta, que se formou na Faculdade de Tecnologia em Hotelaria, Gastronomia e Turismo de São Paulo (Hotec) e hoje mantém – em sociedade com a mulher, a maître Camila Scheffer, e o chef Henrique Giovani – a empresa The Lab, que presta consultoria na área gastronômica e realiza jantares, também dá uma sugestão: é criação sua o sashimi de atum fresco com morangos e hortelã.

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE GASTRONOMIA