Eloísa Mafalda, a Dona Nenê de 'A grande família', morre aos 93 anos

Ela lutava contra problemas respiratórios há alguns anos. Atriz interpretou papeis marcantes na TV

por Estado de Minas 17/05/2018 09:18
TV Globo/Reprodução
Atriz esteve em novelas como 'Roque santeiro', 'Pedra sobre pedra' e 'Mulheres de areia'. (foto: TV Globo/Reprodução)
Eloísa Mafalda morreu na noite desta quarta-feira (16), aos 93 anos, em Petrópolis, no Rio de Janeiro. Famosa por papéis como o da Dona Nenê, na primeira versão de A grande família (1972), ela lutava contra problemas respiratórios e sofria com o Mal de Alzheimer há alguns anos. A informação foi divulgada pela família nas redes sociais.
 
O corpo será velado em Jundiaí, no interior de São Paulo, cidade natal da atriz. A atriz foi casada com Miguel Teixeira e deixa dois filhos, dois netos e dois bisnetos. 
 
Eloísa nasceu Mafalda Theoto em 18 de setembro de 1924, em Jundiaí, no interior de São Paulo. Sua carreia artística começou por acaso, após se mudar para a capital paulista com o irmão, Oliveira Neto, para que ele trabalhasse como locutor das rádios Tupi e Difusora. À éposa, o irmão a convenceu a fazer um teste para um rádio-teatro. Aprovada, fez sua estreia em radionovelas da Rádio Nacional. 

Sua carreira na telinha começou na TV Paulista, na qual permaneceu até o término da emissora, que foi vendida para a TV Globo. Na nova casa, Eloísa Mafalda marcou época com papéis memoráveis como a Maria Machadão de Gabriela (1975), a Dona Mariana de Paraíso (1982), além de Gioconda Pontes de Pedra sobre pedra (1992) e Manuela de Mulheres de areia (1993). 

Seu maior sucesso, no entanto, foi como Dona Pombinha Abelha, de Roque santeiro (1985). A esposa do prefeito Florindo (Ary Fontoura) ficou conhecida pelas cenas cômicas como uma beata ferrenha que lutava, ao lado do Padre Hipólito (Paulo Gracindo), contra a boate Sexus e suas dançarinas sensuais. 

Nas redes sociais, familiares e amigos próximos lamentaram a perda. Marcelo Berro, um dos netos, escreveu uma homenagem publicada no Facebook. ''Vá com Deus meu grande amor! Exemplo de correção profissional, foi 'pãe' e a pessoa que deu aval para a continuidade da gravidez da menina Mirian, que me permitiu nascer, sendo criado por essas duas mulheres sensacionais. Foi a primeira que me pegou no colo. Sim! Antes de colocarem no colo ca minha mãe, ela pegou da mão da obstetra e disse: 'É meu neto!' Nosso amor sempre foi explícito'', contou. 

O filho de Eloísa também postou uma foto com a mãe. Na legenda, ele escreveu o emoji de um coração. Na caixa de comentários, amigos responderam dando pêsamos e desejando forças para a família. 

['__class__', '__cmp__', '__contains__', '__delattr__', '__delitem__', '__dict__', '__doc__', '__eq__', '__format__', '__ge__', '__getattribute__', '__getitem__', '__gt__', '__hash__', '__init__', '__iter__', '__le__', '__len__', '__lt__', '__module__', '__ne__', '__new__', '__reduce__', '__reduce_ex__', '__repr__', '__setattr__', '__setitem__', '__sizeof__', '__str__', '__subclasshook__', '__weakref__', 'clear', 'copy', 'fromkeys', 'get', 'has_key', 'items', 'iteritems', 'iterkeys', 'itervalues', 'keys', 'pop', 'popitem', 'request', 'setdefault', 'update', 'values', 'viewitems', 'viewkeys', 'viewvalues']

MAIS SOBRE E-MAIS