Livro de Alexandre Martins mostra a relação entre pessoas e ruas de Ouro Preto

por Ana Clara Brant 17/11/2012 07:00

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
Alexandre Martins/Divulgação
(foto: Alexandre Martins/Divulgação)

Um olhar de dentro para fora e com a intenção de relevar o ser mineiro ouro-pretano diante de sua paisagem. Este é o mote que o fotógrafo carioca radicado em Minas, Alexandre Martins, apresenta no livro que lança hoje Ouro Preto – Corpo e alma. A obra é resultado de uma exposição realizada em 2008 com 120 imagens em preto & branco realizadas ao longo de 25 anos. “Quando apresentei a mostra há quatro anos, a repercussão foi tão grande que decidi transformá-la em um publicação. As pessoas se viram retratadas de uma maneira diferenciada, inseridas na paisagem da cidade que é tão singular”, comenta.

Alexandre, que é arquiteto de formação e vive no eixo Rio-Ouro Preto desde 1981, conta que buscou revelar o cotidiano da antiga Vila Rica e a essência da vida na cidade histórica. O livro é divido em quatro séries. A primeira traz cenas de Ouro Preto nunca mostradas totalmente, de um jeito mineiro, meio introspectivo e enviesado, revelando a arquitetura tão característica do lugar. Na segunda parte, há apenas as silhuetas das pessoas diante da paisagem. “É bem mineiro, aquela coisa que não se mostra totalmente, de ser recolhido, misterioso. Encontrei justamente na silhueta essa linguagem e diante das luzes, do nevoeiro, tão típicos da cidade”, explica Alexandre. 

Na terceira série, o fotógrafo trabalha a questão das sombras nos muros, nas pedras e faz uma associação entre elas e a memória. “Sombra e memória nos acompanham sempre”, pontua. Já a quarta e última série, que retrata metade das imagens, revela os moradores de frente. Seja nas janelas, nas igrejas, nas praças, nas esquinas e em suas casas. “É como se ao longo do livro eu fosse rodeando as pessoas; apresentando primeiro os casarões, a arquitetura, seus mistérios, até finalmente entrar na alma do morador. Como se ele a cidade fossem uma coisa só”, define.

O livro conta ainda com textos do fotógrafo e professor Walter Firmo, do jornalista Angelo Oswaldo e do próprio autor. A edição é da C/Arte Editora.

Ouro Preto: Corpo e Alma
Lançamento do livro do fotógrafo Alexandre Martins. Hoje, das 16 às 19h, no Centro Cultural Fiemg (Praça Tiradentes, 4, Centro, Ouro Preto). Informações: www.comarte.com.br.

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE E-MAIS