Após sucesso com saga vampiresca, Robert Pattinson vive criminoso em 'Bom comportamento'

Aos 31 anos e buscando redirecionar sua carreira, ator vive um bandido sem escrúpulos em filme de ação

por Pedro Galvão 19/10/2017 09:10

Paris Filmes/Divulgação
Robert Pattinson interpreta um assaltante de banco que leva o irmão a ser preso em longa da dupla Ben e Joshua Safdie. (foto: Paris Filmes/Divulgação)

Robert Pattinson se tornou uma das figuras mais conhecidas do planeta quando protagonizou a franquia Crepúsculo, um megassucesso adolescente. Interpretando o vampiro Edward em cinco longas, entre 2008 e 2012, ele associou sua imagem à fantasia-romance infantojuvenil com uma trama recheada de lobisomens e vampiros. Agora, aos 31 anos e depois de se dedicar a filmes radicalmente distintos de Crepúsculo, como Life: um retrato de James Dean (de Anton Corbijn) e Z – A cidade perdida (de James Gray), nos quais, no entanto, ele não era o protagonista, Pattinson volta às telas no papel principal e com outro personagem levemente sombrio, mas cercado por terrores da vida real, em Bom comportamento, que estreia nesta quinta-feira, 19, nas salas brasileiras.

Desta vez, ele é Connie Nikas, um sujeito sem rumo na vida que transforma Nikolas (Ben Safdie), seu irmão que sofre de transtornos psiquiátricos, em cúmplice no roubo de um banco em Nova York. O plano de despistar os policiais dá errado e Nikolas acaba preso, enquanto Connie escapa. O mentor do crime então se lança a uma jornada para recuperar o vulnerável irmão da cadeia, desencadeando uma sequência de novas enrascadas violentas e perigosas.

MISÉRIA O filme explora a miséria humana como cenário. Personagens fragilizados, em relações conflituosas com parentes, situação de abandono e ex-presidiários em tentativas frustradas de ressocialização vão aparecendo no caminho de Connie, que se apresenta tão inescrupuloso em seus objetivos quanto solidário ao irmão, embora este tenha sido preso por sua causa.

Foragido por roubar um banco, ele se envolve em outros delitos como corrupção de menores e tráfico de drogas. A Nova York que o filme retrata passa bem longe do glamour das ruas de Manhattan. Os cenários são periferias do Queens, hospitais públicos lotados, centros de detenção, entre outros lugares que colaboram na construção de uma narrativa que se insere na vertente do drama policial.

A atuação do “astro teen” tem sido elogiada pela crítica internacional. A revista Rolling Stone enxergou em Bom comportamento o melhor da carreira de Pattinson até aqui. Além dos já citados, ele também foi visto em The rover – A caçada (2012), Mapa para as estrelas (2014) e Bel Ami – O sedutor (2012), entre outros títulos depois que deixou de encarnar o vampiro Edward.

O elenco de Bom comportamento tem ainda Jennifer Jason Leigh (Os oito odiados) e Barkhad Abdi (Capitão Phillips). Além de interpretar o perturbado personagem do irmão do protagonista, Ben Safdie codirige o longa com seu irmão Joshua Safdie, com quem já realiza produções independentes desde 2008, como Daddy longlegs (2009) e Amor, drogas e Nova York (2014). Bom comportamento concorreu à Palma de Ouro no Festival de Cannes, em maio passado, e teve sua trilha sonora premiada.

 

Abaixo, confira o trailer: 

MAIS SOBRE CINEMA