Comédia francesa mescla gastronomia e política com elegância e sutileza

'Os sabores do palácio' é um dos filmes presentes no Festival Varilux de Cinema Francês 2013

por Carolina Braga 10/05/2013 09:37

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
Festival Varilux/Divulgação
Catherine Fort dá vida a Hortense Laborie, cozinheira de François Miterrand (foto: Festival Varilux/Divulgação)

Se há algo que é ícone inconstestável da França é a gastronomia. Considerando que o cinema tem também seu mérito – e muito! – na promoção do país, 'Os sabores do palácio', uma das atrações do Festival Varilux de Cinema Francês 2013 (que termina no dia 16), é a prova de que a combinação desses dois universos frequentemente resulta em caldos interessantes. O filme dirigido por Christian Vincent reforça a variedade das comédias francesas. Além de muito populares por lá, raramente as empreitadas nesse gênero dispensam a elegância e a sutileza.


'Os sabores do palácio' conta a história real de Hortense Laborie, interpretada na ficção por Catherine Fort. Cozinheira radicada na região de Périgord, ela foi literalmente convocada a atender um chamado do presidente da república, François Mitterand. Ainda que o longa não revele o nome dele, é sabido que narra a experiência de Hortense para atender as demandas do político, considerado o mais gourmet dos presidentes da França.


Como é de se esperar de um filme que tem a gastronomia como protagonista, as mais finas iguarias desfilam na tela. Trufas vindas de terras longínquas, cogumelos selecionados, frutos do mar, vinhos especiais e aquelas sobremesas capazes de deixar o espectador com água na boca. Por trás disso, o filme também diz muito sobre dedicação e a combinação nem sempre harmoniosa entre política e paixão por um ofício ligado diretamente ao prazer.

Por que ver...
Além do arco-íris

Na quarta experiência atrás das câmeras, a atriz e diretora francesa Agnès Jaoui não abriu mão de contar algo que há muito a inquietava. Apesar de ter sido criada por pais liberais, ela conta que nunca conseguiu se desvencilhar da interminável espera pelo príncipe encantado. É por isso que fez 'Atrás do arco-íris' (foto). A comédia, que já arrastou mais de 1 milhão de franceses ao cinema, é um conto de fadas às avessas. Agnés lança mão do humor para desmitificar o amor romântico. O filme conta a história de Laura, jovem de 24 anos que tem certeza absoluta de que vai encontrar o amor da vida dela aos 24 anos.  É claro que a história não se desenrola como ela idealiza. O interessante do filme é que Jaoui não centra fogo apenas na paixão adolescente. Fala sobre desejos e expectativas de natureza variada, que nos acompanham ao longo da vida. Além disso, a gama de personagens que apresenta é tão rica que nos permite divertir muito além dos limites do objetivo inicial. Afinal, já sabemos que os contos de fadas não existem, então, o lance é brincar com o ranso que eles deixaram.

 

Festival Varilux

 

Sexta-feira
l 11h – Prenda-me
l 13h – Uma dama em Paris
l 15h – Renoir
l 17h – Além do arco-íris
l 19h – Adeus, minha rainha
l 21h – O homem que ri

Sábado
l 12h – Camile Claudel 1915
l 14h – O menino da floresta
l 17h – Pedalando com Moliére
l 21h – A datilógrafa

Domingo
l 11h – Feito gente grande
l 13h – Os sabores do palácio
l 15h – O menino da floresta
l 17h – Pedalando com Moliére
l 19h – Anos incríveis
l 21h – Adeus, minha rainha

Local: Oi Futuro Klauss Vianna. Avenida Afonso Pena, 4.001, Mangabeiras.

Assista ao trailer do filme 'Os sabores do palácio':


VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE CINEMA