Espanha escolhe Blancanieves como representante no Oscar

Chile e Itália também anunciam indicados

por Fernanda Machado 27/09/2012 10:26

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.

Divulgação
(foto: Divulgação)

O filme mudo Blancanieves, do diretor Pablo Berger, foi escolhido para representar a Espanha na disputa por uma indicação ao Oscar de filme em língua estrangeira, anunciou a Academia de Cinema Espanhola.

Blancanieves superou El artista y la modelo, de Fernando Trueba, e Grupo 7, de Alberto Rodríguez. A releitura representará a Espanha também na 55ª edição do prêmio Ariel da Academia de Cinema do México.

O país já ganhou o Oscar com o filme Mar adentro, de Alejandro Amenábar, Começar de novo, de José Luis Garci, Belle epoque, de Fernando Trueba, e Tudo sobre minha mãe, de Pablo Almodóvar.

Chile e Itália
A Itália anunciou nesta quarta-feira Cesare Deve Morire, dos irmãos Paolo e Vittorio Taviani, como candidato à indicação para o Oscar de melhor filme estrangeiro de 2013. A produção foi vencedora do Urso de Ouro no Festival de Berlim deste ano.

O Conselho de Cultura e Artes do Chile aposta no filme No, dirigido por Pablo Larraín e estrelado por Gael García Bernal, para levar a estatueta. O longa chileno, que agradou à plateia no último Festival de Cannes, inspira-se no período do plebiscito sobre a ditadura de Pinochet.

Dinamarca, com Royal Affair, Índia, com Barfi! e Canadá, com Rebelle, também concorrem à indicação para o Oscar de filme estrangeiro. A França indicou Intocáveis para tentar Oscar de Filme Estrangeiro e o Brasil vai com O Palhaço.Os concorrentes serão anunciados no dia 10 de janeiro.

 

Com Agências

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE CINEMA