Bloco gospel: religiosos aproveitam o carnaval para exaltação da fé na Grande BH

Católicos e evangélicos aproveitam período de folia para promover momentos de louvor e oração

11/02/2018 06:00

Paulo Filgueiras/ EM/ D.A Press
Para a fonoaudióloga Cintia Assis, o encontro da igreja Católica na Grande BH é oportunidade de renovação espiritual (foto: Paulo Filgueiras/ EM/ D.A Press)

Em tempos de carnaval há opções para religiosos que curtem ou não a folia. Alguns segmentos optam por promover retiros espirituais e momentos de reflexão. Outros aproveitam o momento de brincar o carnaval com músicas de conteúdo gospel e transformam a folia em momento de exaltação da fé.

 

Em sua 33ª edição, o Rebanhão do Senhor, festa religiosa carnavalesca promovida pela Renovação Carismática Católica (RCC), que costuma reunir milhares de pessoas em Betim, neste ano abriu os trabalhos com menor número de participantes. A expectativa é de que nos quatro dias do carnaval passem por lá mais de 60 mil pessoas, para “louvar ao Senhor, cantar, dançar, fazer caminhadas, assistir a missas e pregações”, segundo a nutricionista e coordenadora da forania de Nossa Senhora do Carmo, Raquel dos Santos. A cidade tem duas foranias (Nossa Senhora da Conceição) que se reúnem nesta época do ano para promover o rebanhão da Região Metropolitana de Belo Horizonte.

 

O evento é nacional, realizado em várias cidades. O tema escolhido pela RCC nacional é “Retornai ao primeiro amor”, que segundo Raquel significa o retorno “aos braços daquele que nos amou primeiro. Momento de arrependimento e de devoção.” O acontecimento tem como objetivo maior atrair a juventude “principalmente aqui de Betim, onde os índices de criminalidade com participação de jovens é muito grande”.

 

Pelo segundo ano, o encontro começou na manhã de sábado (antes era à noite) com uma caminhada pelas ruas da cidade. Até terça-feira, os presentes, abrigados no ginásio poliesportivo da cidade, assistirão a missas, participarão de momentos de oração e assistirão a pregações, palestras e shows musicais voltados à fé católica. Os pregadores são preparados e escolhidos ao longo do ano, conforme explicou Raquel.

 

A fonoaudióloga Cintia Assis participa do Rebanhão pela terceira vez: “Vim pela primeira vez há três anos e me encontrei aqui”. Cintia participa do ministério jovem do Bairro Alto das Flores e disse ser um momento de renovação espiritual.

 

Com uma barraca de artigos religiosos, o aposentado José Maria Medina, fundador da comunidade Rosa Mística, de Belo Horizonte, frequenta o encontro da RCC há 18 anos. “Vivemos momento de violência e extremo egoísmo. Aqui estamos em busca de algo em que a espiritualidade se sobreponha à materialidade e de reflexão sobre o real sentido da vida”.

 

Piedade No Santuário de Nossa Senhora da Piedade, a tradição de retiro espiritual se repete neste carnaval. São esperadas 30 pessoas para os quatro dias de carnaval, quando vivem momentos de reflexão, silêncio e confissão. As atividades de fim de semana para visitantes ocorrem normalmente, com a celebração das cinco missas aos domingos.

 

Evangélicos Pelo terceiro ano consecutivo, a igreja Assembleia de Deus promove o “Graça Brasil”, reunindo a juventude de diversas cidades da Grande BH. As celebrações, shows musicais, palestras e orações, que tiveram início na sexta-feira, prosseguem até a terça-feira, no Parque de Exposições Expominas, na Gameleira. “As atividades ocorrem todos os dias entre as 14h e as 21h e recebemos fiéis até de outros estados”, revela o diácono da igreja em Belo Horizonte, David Rolindo.

VÍDEOS RECOMENDADOS