Pintura chinesa bate recorde em leilão em Pequim

Qi Baishi é um dos artistas chineses mais bem cotados no mundo das artes, segundo dados da Artprice

por AFP 18/12/2017 12:43
AFP
Pintor é o primeiro na China a superar os 100 milhões de dólares. (foto: AFP)
Um conjunto de obras de Qi Baishi, um dos pintores mais cotados do mundo, foi vendida no domingo (17) por quase um bilhão de iuanes em Pequim, um recorde para uma pintura de um artista do país, anunciou a Beijing Poly International Auction.

Com a venda dos 12  painéis criados pelo artista chinês em 1925, o pintor autoditada Qi Baishi (1864-1957) se converte no primeiro artista chinês que supera os 100 milhões de dólares por uma de suas obras.

As peças, chamadas ''Doze pinturas de paisagem'', representam montanhas, povoados ou árvores floridas em tons azuis, cinzas ou rosas. Cada um dos painéis mede 1,8 metro por 47 cm.
 
O comprador, que não foi identificado, é um colecionador chinês, segundo a agência China News.

Qi Baishi é um dos artistas chineses mais bem cotados no mundo das artes, segundo dados da Artprice. 

Em 2011, uma de suas obras, uma águia pousada em um pinheiro, foi vendida em Pequim por 55 milhões de dólares.

MAIS SOBRE ARTES-E-LIVROS