UAI

Carol Barcellos, Marcelo Courrege e Renata Heilborn: o drama da traição

O Médium Henri Fesa auxilia pessoas com problemas espirituais, principalmente, no campo amoroso

Tem como se preparar para um novo amor (Reprodução: Instagram) Tem como se preparar para um novo amor (Reprodução: Instagram) - Reprodução / Internet
Redação - Observatório G clock 16/02/2024 19:10
compartilhe icone facebook icone twitter icone whatsapp SIGA NO google-news

O caso envolvendo a jornalista Carol Barcellos, Marcelo Courrege e Renata Heilborn é um drama de traição que tem causado grande comoção. Renata, esposa de Courrege, descobriu a traição através do compartilhamento de localização em aplicativos de viagem. Ela percebeu que seu marido estava indo para a casa de sua melhor amiga, Carol, ao invés de visitar seu pai doente, como havia alegado. Ao confrontar Marcelo, ele não negou o caso e saiu de casa para viver com Carol.

Leia Mais

Renata expressou sua decepção publicamente, revelando a traição em um relato emocional no Instagram. Desde então, Marcelo e Carol assumiram o namoro publicamente, provocando indignação nas redes sociais, especialmente devido à antiga amizade entre Carol e Renata. O relacionamento entre Carol e Marcelo foi evidenciado durante o Carnaval de 2024, gerando ainda mais controvérsia na mídia, embora isso seja, no final das contas, uma situação que diz respeito apenas às pessoas envolvidas.

'A traição sempre será uma questão complexa, que evoca emoções intensas e levanta questões sobre fidelidade, respeito e confiança, as quais podem ter interpretações variadas, principalmente quando envolve figuras públicas. Trabalhar a aceitação é o melhor caminho para se livrar da energia negativa e conseguir seguir adiante', disse Henri Fesa, Médium especialista em relacionamentos e fundador da Casa de Apoio Espiritual Henri Fesa.

Para o especialista, enfrentar a traição é uma jornada emocionalmente tumultuada, repleta de sentimentos intensos como choque, raiva e tristeza. É fundamental permitir-se sentir e processar essas emoções, sem reprimir nada. Buscar apoio junto a amigos, familiares ou um terapeuta pode trazer conforto e alívio durante esse momento desafiador. É importante também evitar se culpar, lembrando que a responsabilidade pela traição recai unicamente sobre aqueles que a cometeram.

'Dedique-se a atividades que promovam seu bem-estar físico, mental e emocional, priorizando seu próprio cuidado. Visualizar um futuro melhor, onde a dor atual seja superada e a felicidade seja reconquistada, pode servir como uma luz no fim do túnel, mantendo o foco nas metas e na construção de uma vida satisfatória e alegre', finaliza Fesa. A Casa Espiritual Henri Fesa ajuda pessoas e casais a se blindarem de energias negativas há mais de 30 anos.

compartilhe icone facebook icone twitter icone whatsapp