UAI

Luísa Mell critica ceia natalina com peru: 'Celebram com mortes'

Apresentadora pediu por um Natal com mais 'compaixão' aos bichos

Luísa Mell Reprodução/Instagram
Douglas Lima - Especial para o Uai clock 24/12/2022 17:03
compartilhe icone facebook icone twitter icone whatsapp SIGA NO google-news

apresentadora e ativista pelos direitos dos animais Luísa Mell, de 44 anos de idade, compartilhou um vídeo ilustrativo neste sábado (24/12) nas redes sociais para criticar o consumo de um dos pratos principais da ceia de Natal, o peru. A artista contou como funciona o processo da indústria que leva o animal à mesa.

Leia Mais

"8 milhões de perus são mortos no Brasil para celebrar a data comemorativa cristão", diz Luísa. "Você sabe o que significa Natal? Nascimento. Celebramos a vida de Cristo. Mas infelizmente comemoramos com morte de animais. Existe sim outro caminho. O da verdadeira paz e compaixão. Sei que acham que sou exagerada… mas olhem o que financiam: perus no peso ideal, ficam de jejum, para favorecer o esvaziamento gástrico", escreveu em publicação no Instagram.

 

"Depois são transportados até o matadouro em gaiolas apertadas sobre caminhões. No matadouro, o abate é feito introduzindo uma faca de 2 gumes pela garganta do animal, cortando assim as artérias e as veias do pescoço enquanto ele se debate de cabeça para baixo com os pés presos por grilhões… mude a espécie", acrescentou.

 

Por fim, ela fez uma súplica aos seguidores que amam cães. "Se tudo isso fosse feito com um cachorro, certamente todos estariam revoltados. Mas o peru… Meu pedido para este Natal, é que o amor e a compaixão sejam ampliados para todas as espécies de animais, que sentem, sofrem, amam… igualzinho ao seu cachorro", finalizou.

 

Na aba dos comentários, Luísa Mell recebeu críticas e e elogios entre os internautas. "Respeite os hábitos dos outros", pediu uma seguidora. "O futuro é vegano", afirmou outra. "Faça uma ceia vegana para você", sugeriu uma terceira. "Gratidão por não participar disto", destacou uma internauta. "Muita hipocrisia nessa celebração", disse outro. "Acho importante o alerta, mas tem gente que não tem acesso a nenhum peru", comentou um fã.

 

Confira, abaixo, o post:

compartilhe icone facebook icone twitter icone whatsapp