UAI

Após trailer da Comic-Con, fãs da Marvel tiram sarro de Mulher-Hulk

Nova prévia da série do Disney+ dividiu a opinião da audiência nas redes sociais

Divulgação/Disney Divulgação/Disney
Redação - Observatório do Cinema clock 24/07/2022 20:00
compartilhe icone facebook icone twitter icone whatsapp SIGA NO google-news

Durante a Comic-Con de 2022, a Marvel divulgou diversas novidades sobre o futuro de seus filmes e séries. Uma das prévias mais interessantes é o novo trailer de Mulher-Hulk, que oferece um olhar bem mais profundo sobre a história de Jennifer Walters. Logo após a estreia, o trailer passou a ser alvo de críticas e zoação nas redes sociais.

'Mulher-Hulk: Defensora de Heróis acompanha a história de Jennifer Walters, uma advogada, solteira, na casa dos 30 anos, cujo maior desejo é ser bem-sucedida em sua profissão. Mas há um 'pequeno' detalhe: ela é parente de Bruce Banner, também conhecido como o Incrível Hulk', afirma a sinopse oficial de Mulher-Hulk no Disney+.

Além de Tatiana Maslany (Orphan Black) no papel principal, o elenco de She-Hulk conta também com Mark Ruffalo (Vingadores: Ultimato), Jameela Jamil (The Good Place), Tim Roth (O Incrível Hulk), Ginger Gonzaga (Space Force) e Renée Elise Goldsberry (Hamilton).

Explicamos por que os fãs da Marvel tiraram sarro do novo trailer de Mulher-Hulk; confira.

Fãs da Marvel criticam os efeitos do novo trailer de Mulher-Hulk

Quando a Marvel divulgou o primeiro teaser de Mulher-Hulk, os fãs do MCU detonaram a prévia.

O motivo foi muito simples: o CGI do trailer parecia uma criação amadora, aquém de todas as outras produções da Marvel.

Após a polêmica, a Marvel prometeu suavizar os efeitos e divulgar uma nova versão da prévia, com CGI atualizado.

O novo trailer foi ao ar na Comic-Con 2022, realizada em San Diego. A prévia chamou a atenção por seu tom cômico, pela presença de Mark Ruffalo como o Incrível Hulk e pela introdução de Jameela Jamil como a vilã Titânia.

Porém, nas redes sociais, os fãs não perdoaram. De acordo com os espectadores da Marvel, os efeitos de Mulher-Hulk continuam péssimos.

'Não me entendam errado, estou realmente animada para essa série, ela parece ser divertida. Mas ela exige demais do orçamento de CGI', comentou uma fã do MCU nas redes sociais.

Segundo os fãs da Marvel, o grande problema dos efeitos de Mulher-Hulk se encontra no rosto e no cabelo da protagonista - que já entram no 'vale da estranheza'.

No Twitter, um fã do MCU comparou os cabelos de Jennifer Walters com os da personagem Medusa, da criticada série Inumanos.

'Adorei ela quebrando a 4ª parede, mas para ser honesto, o CGI ainda está estranho. O problema é o cabelo. O penteado do Bruce está legal, mas o cabelo fiel às HQs está trabalhando contra a Jen. Parece com o da Rainha Medusalith Amaquelin-Boltagon', ironizou o espectador.

Esse é o consenso entre os fãs da Marvel: Mulher-Hulk tem tudo para ser uma série divertida, mas provavelmente será prejudicada pelo CGI.

'A Mulher-Hulk é incrível, é o CGI que está ruim', comentou outro fã. 'O CGI de She-Hulk ainda está ruim, mas a série em si? Parece ótima', concluiu uma espectadora.

Confira as reações originais e o novo trailer abaixo. Mulher-Hulk: Defensora de Heróis estreia no Disney+ em 17 de agosto. Clique aqui para assinar a plataforma.

Virgin River: Tudo o que sabemos sobre a 5ª temporada

compartilhe icone facebook icone twitter icone whatsapp

Uai Indica