Casa de Juscelino apresenta Celso Adolfo

DATA

  • 09/11/2019 à 10/11/2019
  • Hora início: 19:00
  • Hora fim: 00:00

LOCAL / INFO

PREÇOS

  • meia entrada:10,00
    inteira:20,00

Celso Adolfo faz show na Casa de Juscelino

O espetáculo, que acontece no sábado 9 de novembro, integra a programação cultural do memorial, inspirada no ex-presidente Kubitschek

A programação artística da Casa de Juscelino, no Centro Histórico de Diamantina, está a todo vapor. O memorial será palco, no sábado, 9 de novembro, às 19 horas, para o show do músico Celso Adolfo. O compositor e violonista apresentará seu nono disco &ldquoRemanso de Rio Largo&rdquo, que traz 16 canções inspiradas na obra Sagarana, do escritor Guimarães Rosa. Gravado em 2018, o álbum pode ser considerado uma trilha sonora para o livro.

Nascido em São Domingos do Prata, região metropolitana de Belo Horizonte, Celso, que começou sua carreira em 1983 com o LP Coração brasileiro, produzido por Milton Nascimento, apoiou-se no cenário do interior de Minas Gerais para a construção de suas obras, que tem no violão um grande destaque, instrumento muito apreciado por JK e que também faz parte de sua história.

&ldquoRemanso de Rio Largo&rdquo contém ritmos heterogêneos que ajudam a retratar ainda mais o Estado, entre os quais estão: coco, calango, batuque, samba, cateretê e baladas livres. &ldquoAs músicas do álbum foram inspiradas nas nove novelas de Sagarana, preservando todas as características mineiras presentes no livro&rdquo, destaca o músico.

No ano passado, Celso esteve em Cordisburgo (MG), terra natal de Rosa, nas comemorações do cinquentenário de morte do escritor. &ldquoLá toquei as canções do Remanso de Rio Largo. Agora, apresentarei as mesmas músicas na Casa de Juscelino. Esses momentos e locais são especiais para a história de Minas e tocar em nome desses grandes homens é uma honra&rdquo, compartilha.

Programação cultural

Com o intuito de manter a memória e o legado histórico e cultural de Juscelino, o memorial receberá shows, oficinas e palestras ano até março de 2020. A iniciativa é resultado de um projeto, viabilizado por meio da Lei de Incentivo à Cultura, com patrocínio da Cemig. A programação é conduzida pela Nó de Rosa Produções. A verba arrecada com a visitação ao memorial e com a presença nas atividades artísticas será destinada para a manutenção da Casa, que há 35 anos é um dos principais pontos turísticos da cidade.

Ainda é possível contribuir para a preservação do memorial, por meio de uma vaquinha online, disponível no site do memorial, na aba &ldquoapoio&rdquo. A plataforma permite que as pessoas doem a partir de R$25, até dia 31 de dezembro. Mais informações no casadejuscelino.com.br.

http://casadejuscelino.com.br/

+EVENTOS

Eventos