Livro Cold Hot

DATA

  • 06/04/2018 à 06/04/2018
  • Hora início: 17:00

LOCAL / INFO

PREÇOS

  • :0,00

 

Livro Cold Hot, uma viagem visual pela região mais musical dos Estados Unidos, chega a BH

O jornalista e fotógrafo Sergio Poroger fará noite de autógrafos nesta sexta-feira, 6 de abril, em meio a uma Jam Session na Livraria da Rua (Rua Antônio de Albuquerque, 913, na Savassi).

 

    No livro Cold Hot são 66 imagens feitas durante uma viagem de 17 dias pela Rota 61, a lendária Blues Highway, também conhecida como a trilha da música ao Sul dos Estados Unidos, totalizando quase 3 mil quilômetros. 

  O roteiro da viagem mostra exatamente isso:em Nashville, o Country Music Hall of Fame é um local de peregrinação obrigatório, assim como o Wild Bill&rsquos, deliciosa casa de shows nos subúrbios de Memphis, que revelou, por exemplo, um rapaz chamado Elvis Presley. 

    Ou então, que tal, o cruzamento das estradas 61 com 49 em Clarksdale, no Mississipi, onde a lenda do blues Robert Johnson teria feito o famoso pacto com o diabo, hoje parte obrigatória de qualquer história da música. Ou ainda no Preservation Hall de Nova Orleans, lendário templo do jazz tradicional.

 

 

    &ldquoPesquisei a região por quase dois anos, pautado pela vontade de fotografar puramente a musicalidade da região. No entanto, acabei sendo surpreendido por uma parte diferente do restante dos Estados Unidos, onde a música influencia totalmente suas paisagens, arquitetura e os costumes de seus moradores, que também são diferentes &ndash gostam de falar, gostam de conversar, são felizes e descontraídos. Um lugar, afinal, onde tudo vira música!&rdquo, diz.

 

   Segundo Sérgio Poroger, a paisagem alternava o humilde estilo de vida de certas populações com cidades ostentando arranha-céus opulentos, mas que ofereciam uma percepção constante: a musicalidade que exalava em qualquer parte. &ldquoRaras regiões daquele país oferecem tamanha diversidade musical, abrangendo do velho e sagrado blues ao country, passando pelo jazz clássico e pelo rock-and-roll dos anos 1950&rdquo, diz o autor de Cold Hot.

 
     Sergio Poroger cita como fonte de inspiração o trabalho de fotógrafos viajantes do passado, como por exemplo o suíço Robert Frank, do livro "The Americans", que clicou cenas do cotidiano dos Estados Unidos nos anos 1940. Em Cold Hot, também estão presentes as imagens de objetos, como torneiras, caixas de fiação elétrica e instrumentos musicais, que aparentam ganhar novo significado sob o olhar sensível de Sergio Poroger.
 
     Sergio Poroger está disponível para entrevistas por telefone (11)99976-9850 e, a partir das 14h desta quinta-feira, pessoalmente, já em Belo Horizonte. 
CRONOGRAMA
 
O lançamento oficial do livro Cold Hot em BH será nessa sexta-feira na Livraria da Rua, com noite de autógrafos e talk show, ao som do trio Gui Borges (violão e voz), Pedro Fonseca (baixo) e Adriano Goyatá (bateria).
 
ONDE:  Livraria da Rua (Rua Antônio de Albuquerque, 913, esquina de Rua Sergipe, na Savassi)
HORÁRIO: A partir das 17h. 
DATA: 6 de abril, nesta sexta-feira.
 
SOBRE O FOTÓGRAFO

 Jornalista e fotógrafo, Sergio Poroger é sócio da SPMJ Comunicações, agência de comunicação corporativa e relações com imprensa, com atuação há 31 anos nos mercados brasileiro e internacional. Há 10 anos descobriu a fotografia, que está se tornando uma importante paixão. Em sua carreira de fotógrafo, alguns de seus trabalhos já estamparam páginas de publicações da Editora Abril  (Revista Runners e Viagem e Turismo) e publicou ensaios sobre Miami, Japão e Uruguai.

O portfólio de Poroger pode ser conferido no site www.sergioporoger.com

 

=============

+EVENTOS

Eventos