Acampamentos: o que deve ser observado

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.

Campismo é alternativa de lazer para quem procura contato direto com a natureza em todas as suas variações. É uma excelente opção para o turismo e, ainda, incentivo à prática de esportes. No Brasil, o camping é denominado oficialmente como "acampamento turístico", devendo dispor de áreas preparadas para montagem de barracas; estacionamento de reboques habitáveis (trailers) ou equipamento similar; instalações (água e energia elétrica); equipamentos e serviços específicos (banheiros) para facilitar a permanência dos usuários ao ar livre.


Mas é fundamental que o local disponha de documentos necessários que comprovem seu profissionalismo, como certificado de registro da empresa, certificado de vistoria (licenciamento do Corpo de Bombeiros), placa de identificação e livro de reclamações, no qual o turista poderá relatar possíveis insatisfações sobre a qualidade dos seus serviços.
É aconselhável que os acampamentos turísticos disponham de um “regulamento de uso”, para definir regras mínimas de convivência entre os campistas, entre elas:


Estabelecer um período de silêncio entre as 23h e as 7h, dentro do qual não poderá haver trânsito de veículos na área do acampamento e nem instalação de equipamentos cujo uso possa perturbar o sossego dos campistas


O registro e identificação de todas as pessoas que estão utilizando o acampamento


Autorização escrita dos respectivos pais ou responsáveis de adolescentes desacompanhados, como forma de permitir o seu ingresso ou permanência no local


Impedir o uso de equipamentos inadequados


Exigência do cumprimento das normas de higiene e de respeito mútuo


Se o campista for vítima de furto, deverá comunicar o fato à administração do camping e solicitar providências.


Caso um dos turistas esteja perturbando os demais campistas, o responsável pelo camping tem autonomia para tomar as medidas necessárias que garantam o bem-estar e a harmonia entre os membros do grupo. Nas situações extremas, poderá até mesmo solicitar ajuda policial. Especialistas do setor fornecem algumas dicas para que o consumidor escolha o local adequado para armar sua barraca:


Procure um lugar onde seja permitido acampar e sempre avise as pessoas para onde você está indo e quando pretende voltar


Escolha um lugar plano, limpo e arejado para armar sua barraca


Evite acampar em lugar que tenha pedras, tocos, aclives, declives ou que seja mata muito fechada. Também evite armar sua barraca embaixo de árvores, devido à possibilidade da queda de galhos sobre a barraca


Acampe sempre próximo de lugar onde haja água potável ou limpa, mas evite as margens de rios e cachoeiras


Arme sua barraca com todo o cuidado e capricho.


Os equipamentos utilizados para praticar o campismo são diferenciados da seguinte forma:
Barraca é o equipamento básico do campista e no Brasil são mais usadas as seguintes:


Barraca iglu: em forma de domo, é adequada para climas frios e áreas com muito vento. Caso pretenda acampar utilizando como transporte moto ou ônibus, a barraca iglu é a única opção.


– Barraca Canadense: no formato de um “V” invertido, é a mais apropriada para uso em regiões quentes, pois, tem a parte interior, a barraca propriamente dita, com telas que permitem a entrada de ar e o sobreteto, que pode ser regulado para maior ou menor entrada de vento


Barraca estruturada: a primeira a aparecer no Brasil na década de 60. É muito ampla, com tetos retos. Utiliza muita ferragem, é pesada e difícil de armar. Ainda é fabricada e comercializada em tamanhos menores


Trailer: é um veículo-reboque que oferece em seu interior quase todo o conforto de uma casa. É encontrado em vários tamanhos, acabamentos e preços


4 Motor-home: é o chamado trailer com autopropulsão. É o mais adequado para longas viagens.


Existem alguns equipamentos básicos que devem ser levados para o acampamento, como sacos de dormir, toalhas, cantil, fogareiro, lanterna, pá de jardim, kit de primeiros socorros, facão, pratos e copos de plástico, panelas pequenas e garrafa térmica.


Mesmo que os acampamentos turísticos não tenham a necessidade de cumprir os requisitos impostos aos hotéis, não estão isentos e nem mesmo será atenuada a responsabilidade do estabelecimento em ofertar e disponibilizar um serviço seguro e com infraestrutura adequada para sua utilização.



VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE TURISMO