Bariloche além da neve

por Gabriella Pacheco 14/04/2015 00:12

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.

Emerson de Oliveira/Divulgação
A incrível paisagem do Bella Vista, na Ilha Victoria, também para o Lago Nahuel Huapi e a Cordilheira dos Andes (foto: Emerson de Oliveira/Divulgação)
San Carlos de Bariloche é o paraíso para brasileiros que gostam de neve, mas não deve ser nunca resumida a simplesmente isso. Pelo contrário, é quando a neve derrete pelos cerros que a cidade mostra aos visitantes o seu melhor: lagos nas cores azul e turquesa, rodeados por montanhas cobertas de pinheiros e ciprestes. Mesmo após um de seus verões mais secos, como foi o de 2015, a paisagem ainda é estonteante.



Localizada na província de Rio Negro, Bariloche está dentro do Parque Nacional Nahuel Huapi, homônimo do principal lago da região. O parque foi o primeiro a ser criado na Argentina e continua a ser um dos maiores do país. Diferente do restante da Patagônia, caracterizada principalmente pela vegetação de estepe, a região tem mais cor, mais bosques e mais água. Tudo isso devido à influência da Cordilheira dos Andes e da vida que desce de suas geleiras. O lago que banha a cidade, por exemplo, nasceu delas.

 

[FOTO428929] 

Com ou sem neve, há muito o que fazer na cidade. Desde passeios pelas ruas de Bariloche a práticas de esportes de aventura, uma culinária de dar água na boca, visita às fábricas de chocolate e passeios de catamarã pelo Lago Nahuel Huapi.

Se você gosta de fotografar, prepare-se para fotos lindas. A natureza já fez tudo, você só precisa apertar o botão. Para qualquer lado que se olhe, montanhas compõem a moldura da fotografia, sempre acompanhada pelo azul das águas glaciais.

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE TURISMO