Repórter do 'Jornal Nacional' chama Temer de 'ex-presidente' ao vivo

William Bonner cometeu o mesmo erro durante divulgação das acusações de Joesley Batista, em maio

por Diário de Pernambuco 07/06/2017 10:26
Globo/Reprodução
Repórter Júlio Mosquéra cometeu o mesmo ato falho de William Bonner (foto: Globo/Reprodução )
Depois de William Bonner, outro jornalista da Globo se confundiu ao falar sobre o presidente Michel Temer (PMDB). O repórter Júlio Mosquéra estava fazendo uma transmissão ao vivo para o Jornal nacional direto do Supremo Tribunal Eleitoral (TSE), em Brasília, na noite dessa terça-feira, 06, sobre o julgamento da chapa Dilma-Temer, quando chamou o político de "ex-presidente".


"Apenas um argumento foi diametralmente oposto. O advogado do ex..., do presidente... é... Michel Temer, Marcos Vinicius Furtado Coelho, alegou que não se pode julgar o presidente Michel Temer junto com a ex-presidente Dilma Rousseff, que são casos separados, contas separadas durante a campanha eleitoral", disse ele, que imediatamente corrigiu o erro. A confusão notada pelos espectadores, que ironizaram o caso no Twitter.

"Segunda vez que a Globo chama o Temer de 'ex-presidente'. Que bom que já sabem", escreveu um usuário do Twitter. "Repórter do Jornal da Globo (sic) acaba de chamar Temer de ex-presidente. Será que vai cair mesmo?", questionou outra. "Gostei de ver o repórter da Rede Globo dizendo: 'do ex-presidente Michel Temer...'. Também estou ansioso por isso, amigo...", brincou outro internauta na rede social.

Após a divulgação da delação premiada do executivo Joesley Batista, o âncora do Jornal nacional William Bonner também cometeu um ato falho e chamou Temer de ex-presidente. "Nela, Joesley Batista conta ao ex... ao presidente Michel Temer que está pagando pelo silêncio do ex-deputado Eduardo Cunha", disse o jornalista no episódio. O erro de Bonner foi ainda mais comentado nas redes sociais, rendendo uma série de piadas e memes.

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE SÉRIES E TV