Jornalista desabafa nas redes sociais após ser demitida da Record

'Tive essa notícia, caiu como uma bomba', disse Isabela Almeida sobre o desligamento da emissora após 12 anos de contrato

por Diário de Pernambuco 06/06/2017 14:47

Record/Reprodução
Repórter mantém relação próxima com seguidores nas redes sociais e fez live para conversar com fãs (foto: Record/Reprodução)
Uma jornalista fez um desabafo nas redes sociais depois de ser demitida da reportagem da TV Record. Em uma transmissão ao vivo no Facebook, Isabela Veiga contou sobre o desligamento da emissora, que ocorreu após 12 anos de contrato. "Acordei pensando que seria um dia normal de trabalho. Despertador tocou às 5h da manhã, botei minha roupa, peguei meu BRT, meu ônibus, meu metrô, cheguei lá, falei com os seguranças", começou dizendo.


"Corri pra maquiagem. Aí tive essa notícia, caiu como uma bomba, mas cada dia a gente vai vivendo de acordo com o que Deus reserva pra gente. Quem sabe amanhã eu acordo desempregada e vou dormir empregada? Não sei", relatou ela. "É uma situação triste, claro que é. 12 anos é uma vida, né? A vida continua, a gente não pode parar, tem que continuar mesmo. Graças a Deus o carinho dos meus colegas comigo mostra exatamente que eu fui legal, fiz um trabalho bacana", acrescentou. Isabela revela que a demissão ocorreu como parte de uma reformulação na equipe e que não houve qualquer desentendimento, destacando a boa relação com os colegas de trabalho.

Ela comentou a rotina corrida da profissão e revelou que até já saiu de um motel para gravar materiais para a emissora. "Foram muitos sábados e finais de semana dedicados. Às vezes, eu ficava acordada até as 2h ou 3h da manhã para gravar o off do Domingo espetacular. Já saí de casamento, hospital, 'tava' lá acompanhando a minha mãe, praia e até motel! Já aconteceu isso... Tudo pra gravar off para o programa. Quem gosta, gosta. A gente tá aí pra isso mesmo", comentou, rindo.

 

Assista a transmissão ao vivo:

 

 

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE SÉRIES E TV