Manifestações 'invadem' entradas ao vivo dos repórteres da Globo

Manifestantes voltam a figurar com cartazes de protestos durante transmissões da emissora

por Diário de Pernambuco 18/05/2017 17:30

Twitter/Reprodução
Manifestante segura cartazes com dizeres de ordem sobre a situação política brasileira (foto: Twitter/Reprodução)
Desde o anúncio da delação da JBS na noite desta quarta-feira (17), diversos atos políticos têm sido convocados e organizados em todo o país. Na televisão não tem sido diferente e as cenas de manifestantes apresentando cartazes voltaram a figurar durante transmissões ao vivo, movimentado dicussões e gerando memes diversos nas redes sociais.

Enquanto a repórter Zileide Silva comentava a repercussão da delação de Joesley Batista no Congresso em reportagem, ao vivo, do Jornal Nacional, na noite desta quarta, uma mulher apareceu segurando um cartaz com a frase "Eu votei na Dilma". Durante os cerca de 20 segundos em que a manifestante aparece na tela, ficaram claras as tentativas do cinegrafista de retirá-la de foco, sem sucesso.

Nesta quinta-feira, 18, uma situação semelhante ocorreu enquanto repórter da GloboNews anunciava que o deputado Carlos Sampaio iria assumir a presidência do PSDB. Neste caso, um homem chamou a atenção dos espectadores ao segurar cartazes, em destaque, com os dizeres "Diretas já" e "Fora Temer"

 

As cenas não passaram batidas pelos internautas, que comentaram os manifestos nas redes sociais. "Ver uma moça atrás da jornalista da Globo, ao vivo de Brasília, com um cartaz escrito, 'eu votei em Dilma', não tem preço!", comentou um usuário no Twitter.

 

Outro internauta lembrou a aparição de faixa em protesto contra o presidente em episódio da série Sense8, gravada durante a marcha do Dia do Orgulho Gay em São Paulo: "Depois que Sense8 colocou o cartaz de 'Fora Temer' ao vivo no episódio do dia do Orgulho Gay, em SP, o Brasil começou a dar certo."

 

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE SÉRIES E TV