Apresentador do 'Cidade alerta' morre em BH, após parada cardíaca em voo

Comunicador e ex-prefeito tinha 52 anos e viajava a Porto Alegre para tratamento médico

por Diário de Pernambuco 26/04/2017 11:55
TV Record/Divulgação
(foto: TV Record/Divulgação)
O jornalista e político Jota Júnior, apresentador do programa Cidade alerta da Paraíba, morreu nesta segunda-feira. Nascido em Campina Grande, ele faleceu em em Belo Horizonte, onde estava internado desde o domingo (23), após sofrer uma parada cardíaca durante voo com destino a Porto Alegre (RS). Jota Júnior tinha 52 anos e viajava a Porto Alegre para um tratamento médico. Em função de seu mal-estar, o avião em que ele estava teve que fazer um pouso de emergência na capital.

Ele foi diagnosticado, há cerca de um ano, com uma doença chamada bronquiectasia e esperava um transplante de pulmão. No dia 11 de abril, ele comemorou no Instagram a evolução do tratamento. "Um ano de luta. Aprendi que no deserto agente não fica, mas aprende muitas coisas. Hoje me sinto bem mais próximo do meu Deus. Hoje sei que como ser humano estou bem melhor. Valorize sua vida com coisas do alto e não com futilidades. Pois nunca sabemos o que virá. Deus vos abençoe", escreveu, na rede social.

O corpo chegou à cidade de Bayeux, na região metropolitana de João Pessoa, ontem, por volta das 14h30. O velório aberto ao público foi na Igreja Batista Redimir. Uma cerimônia religiosa será realizada nesta terça-feira, na mesma igreja, às 14h30. O enterro está marcado para as 16h, no cemitério Senhor da Boa Morte, na mesma cidade. 

O falecimento foi lamentado por gestores de cidades paraibanas, além da Câmara de João Pessoa. "Manifesto o nosso profundo pesar pelo falecimento do ex-prefeito e prestamos nossas condolências à família e amigos. Que Deus dê força para que eles superem este momento de perda", comentou o atual prefeito de Bayeux, que decretou luto oficial de três dias. Além de comunicador, ele foi prefeito da cidade de Bayeux por dois mandatos. Em 2004, ele foi escolhido por 57% dos eleitores. Nas eleições seguintes, a população estendeu a gestão de Jota Júnior, com 55% de apoio. 

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE SÉRIES E TV